...
Carlos Moisés da Silva Dário Berger Debate eleitoral Debate na Rede Globo Décio Lima Esperidião Amin Gean Loureiro Jair Bolsonaro Jorge Seif Júnior Jorginho Mello Novela Pantanal Pantanal Raimundo Colombo Rede Globo

A estratégia de Moisés contra críticas à sua gestão na Saúde; Bolsonaro cancela vinda a SC; Pesquisa é invalidada entre outros destaques

  Agora estamos nas redes sociais. Segue lá!
 
Instagram: @scempauta
 
Twitter:  @scempauta
 
https://www.facebook.com/scempauta

Faça parte do grupo do SCemPauta no Whatsapp. Não será aberto aos debates, será apenas para o envio das informações que divulgamos. Clique no link para acessar!! Qualquer problema favor entrar em contato via Whatsapp : 49985048148

Ontem o governador Carlos Moisés da Silva (Republicanos) gravou um vídeo para anunciar que foi à Polícia Federal, para denunciar um vídeo, o qual, segundo ele, estaria sendo compartilhado nas redes sociais com uma suposta fake news.

A informação sobre a denúncia que não ficou muito clara, seria sobre a questão dos 200 respiradores fantasmas que o Governo do Estado comprou com a empresa de fachada Veigamed, equipamentos que nunca chegaram ao Estado, apesar do pagamento antecipado de R$ 33 milhões que até hoje não foram recuperados em sua totalidade. Moisés diz que é falso o que está sendo divulgado.

Uma apuração nos bastidores mostrou algo que chamou a atenção. Acontece que, até então, o governador se limitava a rebater o assunto que é um dos grandes problemas para a sua campanha, porém, ontem foi orientado a criar um fato, ou seja, ir a Polícia Federal denunciar o disparo de mensagens contra ele, além de gravar um vídeo falando de modo genérico sobre fake news. Vale lembrar que disparos são proibidos pela lei eleitoral.

Um outro ponto que também gerou questionamentos, foi o fato de sua assessoria de comunicação ter emplacado em veículos de abrangência nacional, a informação de que a PF está apurando o disparo de mensagens em massa com uma suposta fake news contra Moisés. Acontece que as divulgações quase coincidiram com a prestação de queixa, o que mostra uma movimentação orquestrada pela equipe de campanha do atual governador, movimento tão rápido, que quase antecipa a ação dos policiais.

Uma fonte relatou que o movimento orientado por telefone pelo consultor, Alexandre Oltramari, era o de criar um fato para tentar evitar o compartilhamento nas redes sociais do programa de ontem do candidato Gean Loureiro (UB), veiculado pela rádio e TV. A peça criada pelo marqueteiro, Fábio Veiga, fez duras críticas a Moisés devido aos graves problemas que afetam o setor da Saúde do Estado. Duas mães que perderam seus filhos devido à falta de atendimento médico, sendo uma pela falta de vaga e, outro pelo atraso na transferência de um bebê de dois meses que não resistiu, deram fortes depoimentos.

Além dos casos relatados, também foi mencionado o uso do avião Arcanjo 06, alugado para o uso da Saúde, mas que é utilizado por Moisés. O programa chegou a rodar um trecho de uma entrevista onde o governador admite o uso pessoal da aeronave, que foi para a viagem a Bonito onde ele passou um final de semana com a família.

Temendo o impacto do programa, a equipe de Moisés se mobilizou após falar com Oltramari e, o governador gravou um vídeo onde, a ideia, era a de gerar um sentimento de que o governador é vítima no processo. “O governador tinha que reagir, caso contrário o prejuízo seria ainda maior”, admitiu uma fonte que também foi questionada se a campanha sentiu o golpe do programa. “Não acredito nisso. O governador tinha que reagir para evitar um impacto maior, um prejuízo nessa reta final”, respondeu.

A propósito

Este colunista foi alvo de ataques de pessoas ligadas ao Governo do Estado e apoiadores da campanha do governador, Carlos Moisés da Silva (Republicanos). Para evitar uma denúncia e a exposição, pediram desculpas, após terem sido descobertas, ou seja, não por arrependimento, pediram desculpas para evitar prejuízos. Sobre essas pessoas, o que o governo fará?  Inclusive, uma delas que é servidor comissionado, passa os dias nas redes sociais fazendo campanha.

Bolsonaro não vem

A visita do presidente da República Jair Bolsonaro (PL) a Santa Catarina, que aconteceria no próximo sábado (1), está cancelada. Bolsonaro a convite do candidato ao Senado, Jorge Seif Júnior (PL), participaria de uma motociata em Joinville, porém, ontem à noite os responsáveis pela agenda do presidente confirmaram que ele não vem mais. A notícia caiu como uma ducha de água fria na campanha de Seif, que contava com a visita de Bolsonaro para tentar subir mais alguns pontos para tentar alcançar o ex-governador, Raimundo Colombo (PSD), que lidera as pesquisas ao Senado. Não foi dada nenhuma explicação para o cancelamento.

Pesquisa inválida

A pesquisa realizada pelo Instituto Mapa, divulgada pela Jovem Pan News de Florianópolis, no domingo (25), foi invalidada pelo Tribunal Regional Eleitoral no dia de ontem. De acordo com o TRE, o levantamento apresentou erros no registro dos bairros e regiões das pessoas ouvidas. A empresa responsável pela realização da pesquisa também foi condenada a pagar uma multa no valor de R$ 53.205,00. “A exigência de se apresentar os bairros abrangidos pelo trabalho de pesquisa no prazo regulamentar se dá em razão da necessidade de se verificar o espalhamento geográfico, evitando–se a concentração da pesquisa em determinadas áreas do município e a eventual manipulação da opinião pública por meio do deslocamento voluntário de pesquisadores e eleitores. A divulgação do referido dado garante maior transparência ao processo de pesquisa e evita a eventual manipulação da opinião pública, de modo a obstar a indevida influência no eleitorado local”, escreveu o juiz auxiliar do TRE, Sebastião Ogê Muniz.

Debate

Hoje após a novela Pantanal, será transmitido pela Rede Globo e suas afiliadas os debates com os candidatos aos governos dos Estados. Aqui em Santa Catarina participarão seguindo a ordem alfabética: Décio Lima (PT), Esperidião Amin (Progressistas), Gean Loureiro (UB), Jorge Boeira (PDT), Jorginho Mello (PL), Odair Tramontin (Novo), Carlos Moisés da Silva (Republicanos) e Ralf Zimmer Júnior (Pros). Nesta quinta-feira, será a vez do debate com os candidatos à Presidência da República.

Contrato anulado

Após recomendação do Ministério Público de Santa Catarina, o município de Antônio Carlos anula um contrato com empresa que realizaria concurso público. Segundo Inquérito Civil instaurado pela 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Biguaçu, a Rhema Concursos Públicos, responsável pela elaboração e aplicação dos exames, estaria atuando de forma fraudulenta, da mesma maneira já constatada pelo MP na Comarca de Papanduva. A Prefeitura de Antônio Carlos acatou a recomendação e anulou o contrato com a empresa.

Equipamento

O Centro de Pesquisas Oncológicas Dr. Alfredo Daura Jorge (CEPON), inaugura hoje, novos equipamentos para qualificar o atendimento aos pacientes do SUS. Durante um ato em Florianópolis, será realizada a entrega de uma nova ambulância UTI Móvel e também a inauguração do novo Tomógrafo Computadorizado da unidade. A ambulância foi adquirida com recursos oriundos da atuação do Ministério Público do Trabalho de Santa Catarina, por meio de termos de ajuste de conduta e ações civis públicas. A nova viatura irá garantir mais segurança e conforto para o transporte de pacientes do CEPON, que precisam realizar exames de avaliação diagnóstica em outras unidades hospitalares, além de remover pessoas em tratamento que fazem parte do Programa de Internação Domiciliar (PID) da unidade.

Novo tomógrafo

Já o novo tomógrafo computadorizado tem uma tecnologia inédita em Santa Catarina. Atualmente, o CEPON realiza 1,1 mil tomografias por mês. O atual tomógrafo já estava em uso há 16 anos e demandava manutenções constantes. Era um equipamento de quatro canais, e o novo terá 64 canais, o que significa mais rapidez nos procedimentos e qualidade de imagem. Com o investimento, a unidade ganha um aparelho mais moderno, que irá qualificar o atendimento prestado à população.

Novo sistema

Advogados que representam condutores e proprietários de veículos em Santa Catarina passam a contar com um sistema de notificação de andamento processual. O recurso é semelhante ao que já existe em plataformas de processo eletrônico do Tribunal de Justiça e foi apresentado pelo Detran/SC à seccional catarinense da Ordem dos Advogados do Brasil. A novidade viabilizada pelo Detran, com apoio da Procuradoria-Geral do Estado (PGE/SC), foi desenvolvida pelo Centro de Informática e Automação de Santa Catarina (Ciasc) e facilita o acompanhamento de movimentações por parte dos advogados, ao evitar que prazos importantes relacionados a processos administrativos em tramitação no órgão de trânsito sejam perdidos. Os avisos chegam por e-mail diretamente na caixa de entrada do condutor e de seu representante legal

Faça parte do grupo do SCemPauta no Whatsapp. Não será aberto aos debates, será apenas para o envio das informações que divulgamos. Clique no link para acessar!! Qualquer problema favor entrar em contato via Whatsapp : 49985048148

  Agora estamos nas redes sociais. Segue lá!
 
Instagram: @scempauta
 
Twitter:  @scempauta
 
https://www.facebook.com/scempauta