...
Convenção Eron Giordani Gean Loureiro Governo do Estado João Rodrigues Patriotas PSD Raimundo Colombo União Brasil

Convenção do UB e PSD lança Gean Loureiro a governador e Eron Giordani a vice

A convenção realizada pelo União Brasil e PSD, hoje no Centro Sul em Florianópolis, lançou o ex-prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (UB), ao Governo do Estado, tendo Eron Giordani (PSD) de vice e o ex-governador, Raimundo Colombo (PSD), ao Senado. A aliança, caso não entre mais nenhum partido, terá além da UB e o PSD, também o Patriotas.

O Centrosul lotou, segundo apurado foram cerca de 5 mil pessoas. A organização reclamou que, por ordem do Governo do Estado, a ponte ficou trancada durante o evento, o que fez com que três ônibus chegassem com a convenção já acontecendo e, mais dois ônibus somente no final.

Na convenção também foram homologadas as candidaturas de 150 nomes para os cargos de Deputado Estadual, e Deputado Federal.

Gean e Eron

Em seu discurso, Loureiro disse que política se faz trabalhando, acordando cedo e dormindo tarde para atender as pessoas. “Escutando os moradores, promovendo justiça social e qualidade de vida. Quero transformar Santa Catarina assim como transformei Florianópolis, junto com um time competente que não tem medo de trabalho. A gente mostrou serviço em todas as áreas, entregando obras, melhorando saúde, educação, espaços de lazer. Vou administrar e cuidar do Estado que hoje está abandonado”, afirmou Gean.

O candidato a vice-governador, Eron Giordani, reforçou que, para o Governo de Santa Catarina, a sociedade espera respostas urgentes. “Por isso, entendo que ao lado do Gean, é possível trabalhar nessa direção e fazer com que os projetos estruturantes necessários para o crescimento do Estado possam ser tirados do papel pelo bem dos catarinenses”, disse.

Raimundo Colombo

O ex-governador e candidato ao Senado, Raimundo Colombo, disse que sua experiência conhecendo cada canto de Santa Catarina, será um diferencial ao representar o Estado no Senado. “Quero estar lá em Brasília para defender Santa Catarina, um Estado que exige respeito, pede respeito, e quem mais tem que vocalizar isso são os nossos representantes. Como senador, terei grandes lutas para desenvolver: a luta da harmonia entre os poderes, da eficiência da gestão, do respeito com Santa Catarina para que o Estado continue se desenvolvendo cada vez mais. Por isso, podem contar comigo”, afirmou em vídeo, por estar em isolamento, já que está com Coronavírus.