...
Alesc Jerry Comper Jesse Lopes Jorge Goetten Jorginho Mello MDB Obra é paralisada Topázio Neto

Obra é paralisada sem o conhecimento do secretário da pasta; Alesc deve votar continuidade de processo contra deputado entre outros destaques

  Agora estamos nas redes sociais. Segue lá!
 
Instagram: @scempauta
 
Twitter:  @scempauta
 
https://www.facebook.com/scempauta

Faça parte do grupo do SCemPauta no WhatsApp. Não será aberto aos debates, será apenas para o envio das informações que divulgamos. Clique no link para acessar!! Qualquer problema favor entrar em contato via WhatsApp: 49985048148

Na quinta-feira (23) da semana passada, o secretário de Estado da Infraestrutura, Jerry Comper, palestrou em Lages no Connect Serra, um Seminário de Turismo para o Desenvolvimento Regional da Serra.

Comper, que foi bastante elogiado após a sua palestra, abordou as obras do Governo do Estado na região, as quais definiu como estratégicas. De acordo com o secretário, duas obras foram elencadas como prioridade: na SC-360, entre os municípios de Urubici e Rio Rufino, e a Serra do Corvo Branco, entre Urubici e Grão-Pará. Ele chegou a demonstrar otimismo em relação à conclusão, apesar de também ter apontado os desafios de uma obra tão complexa.

Acontece que Comper foi ao evento sem saber que as obras entre Urubici e Rio Rufino estavam paralisadas há dois dias, em ato de sua própria secretaria. A situação gerou uma onda de críticas ao secretário de Infraestrutura na Serra. Inclusive, algumas lideranças entraram em contato com a coluna para falar sobre a situação atípica. “Eu penso que ele não sabia. Ele não iria ao evento enganar a região”, disse uma liderança que participou do encontro.

Segundo me contou uma fonte, de fato, Jerry Comper não sabia da paralisação e foi pego de surpresa, pois o ato ocorreu dois dias antes do evento, mas a publicação no Diário Oficial somente saiu no dia seguinte à palestra, ou seja, três dias após o ato. Constrangido, o secretário buscou informações e soube que a paralisação foi a pedido da empresa responsável pela obra.

Ontem à noite, eu falei com o secretário. Ele me disse que a empresa Planaterra solicitou a paralisação por conta da necessidade de alguns ajustes no projeto. De acordo com Jerry, esses ajustes serão feitos entre dezembro e janeiro, e ficou combinado com a empresa a retomada dos trabalhos no dia 2 de fevereiro.

Faltou comunicação

O secretário de Estado da Infraestrutura, Jerry Comper, passa por mais um constrangimento desnecessário. Na condição de secretário, deveria ter sido o primeiro a ser informado da paralisação, mas, pelo que consta, não foi e acabou sendo exposto ao falar da continuidade de uma obra que já não estava mais sendo realizada. Jerry até tentou contemporizar a situação, mas aí entra num campo perigoso, pois, se tinha a informação, nunca que poderia ter ido à palestra sem passar a realidade aos presentes. O fato, segundo apurei com algumas fontes, é que o pedido da empresa foi aceito sem que Jerry soubesse.

Movimento contra Goetten

O deputado federal Jorge Goetten começa a ser alvo da ala bolsonarista do Partido Liberal. Já há um movimento de alguns deputados que defendem a sua saída da vice-presidência estadual do partido e, até mesmo, entre eleitores mais radicais, há uma campanha contra a empresa que pertence à família do parlamentar. Ele é acusado de não estar tão alinhado à oposição ao governo Lula (PT).

Processo contra Jessé

Deve entrar na pauta da Assembleia Legislativa nesta semana o pedido do Partido Liberal para que seja suspensa uma ação de injúria e difamação do juiz de segundo grau, João Marcos Buch, contra o deputado estadual Jessé Lopes (PL). Lopes foi denunciado após comentar, no dia 22 de janeiro de 2021, um despacho do magistrado que requisitou à época informações à Secretaria de Estado da Administração Prisional sobre a vacinação dos detentos contra a Covid-19. Jessé escreveu: “O juiz defensor de bandidos de Joinville ORDENOU o posicionamento do Estado sobre a vacinação de PRESIDIÁRIOS. Ainda não temos vacina nem para todos os IDOSOS, e o juiz energúmeno já está pedindo (sic) para vacinar os vagabundos”. Buch ingressou com uma ação contra o parlamentar. Porém, depende da Alesc para que o processo siga ou somente comece a tramitar após encerrar o mandato de Jessé.

Nas mãos da Alesc

O deputado estadual Jessé Lopes (PL) está nas mãos de seus colegas, inclusive dos que considera inimigo político. Nos bastidores, é dito que a Assembleia Legislativa não deverá autorizar a continuidade do processo, porém, há quem esteja trabalhando para que siga o processo contra Jessé.

Fonplata

Os vereadores de São José entregaram ontem ao prefeito Orvino de Ávila (PSD) e ao vice-prefeito, Michel Schlemper (MDB), a Lei aprovada pela Câmara que autoriza o município a contratar financiamento junto ao Fundo Financeiro para Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata). Os valores serão utilizados para a construção da Beira-Mar de Barreiros. A obra toda está orçada em R$ 509 milhões: R$ 244 milhões de São José e R$ 265 milhões de Florianópolis. A avenida terá 8,250 km. A parte da capital tem 4,5 km e a de São José 3,750 km. São estimados dois anos de construção. Antes do financiamento, o município precisará da autorização do Tesouro Nacional e também do Senado.

A paz…

A entrega da Lei Autorizativa pode ter sido um sinal de que a paz voltou a reinar entre a gestão do prefeito de São José, Orvino de Ávila (PSD), e o presidente da Câmara de Vereadores, Matson Cé (PSD). Houve alguns períodos de tensão, o que fez com que Matson, antes da aprovação do financiamento, mandasse um recado direto a Orvino. Porém, o que se vê agora é um trato cordial, o que pode ser a retomada de uma boa relação.

Pré-Candidata de Bombinhas no PL

Ontem, na Casa D’Agronômica, a Vereadora de Bombinhas Isabela Camile (PSDB) bateu o martelo com o governador Jorginho Mello (PL) e já está de malas prontas para o PL. Esteve presente também o senador Jorge Seif (PL), que apoia a candidatura da Vereadora no próximo pleito à Prefeitura de Bombinhas. Camile é uma das maiores opositoras da gestão do prefeito Paulo Muller, o Paulinho (PSD).

Saneamento

Os bairros Ingleses e Santinho, em Florianópolis, terão agora um serviço de tratamento de esgoto. Em evento realizado na tarde de ontem, o governador Jorginho Mello (PL) inaugurou a Estação de Tratamento de Esgoto dos Ingleses, uma obra da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan) que vai beneficiar cerca de 42 mil moradores e aumentar em 5% a cobertura de esgoto na capital. Também estiveram presentes o prefeito de Florianópolis Topázio Neto (PSD), vereadores, secretários de Estado, deputados estaduais e federais, e o cônsul-geral Interino do Japão, Rei Oiwa. O governador lembrou do compromisso de garantir 50% de esgotamento sanitário no estado até 2026.

PDT de Araquari

Os trabalhistas de Araquari se reuniram para o lançamento da plataforma eleitoral chamada “12 Compromissos do PDT de Araquari”. A ideia será a união da nominata e o plano de governo do partido pensando na eleição do próximo ano. O presidente do PDT em Santa Catarina, deputado estadual Rodrigo Minotto, prestigiou o evento, e aproveitou para anunciar uma emenda de R$ 100 mil a Araquari. O vice-prefeito, Ludgero Jasper, o Gordo, que é cotado para disputar a sucessão do prefeito Clenilton Pereira (PSDB), esteve no evento do PDT.

Nossos colunistas

Confira a coluna do Paulo Gouvêa com o título: “Apostando no retrocesso.”

Faça parte do grupo do SCemPauta no WhatsApp. Não será aberto aos debates, será apenas para o envio das informações que divulgamos. Clique no link para acessar!! Qualquer problema favor entrar em contato via WhatsApp: 49985048148

  Agora estamos nas redes sociais. Segue lá!
 
Instagram: @scempauta
 
Twitter:  @scempauta
 
https://www.facebook.com/scempauta