...
Alesc Carlos Moisés da Silva Darci de Matos; Dário Berger Eron Giordani Gean Loureiro General Hamilton Mourão Jair Bolsonaro João Rodrigues Luiz Inácio Lula da Silva Sesar Tassi

Loureiro terá Rodrigues na coordenação; Giordani deve ser o vice na chapa; Prefeito de Massaranduba expõe pressão do Governo por apoio a Moisés, entre outros destaques

  Agora estamos nas redes sociais. Segue lá!
 
Instagram: @scempauta
 
Twitter:  @scempauta
 
https://www.facebook.com/scempauta

Para receber a coluna via WhatsApp, favor enviar mensagem com o seu nome e cidade e salvar o número: 49 98504.8148. Faça parte da lista de transmissão do site que todo mundo lê. Você também pode ativar as notificações no “Alerta do Google” e receber as nossas informações.

Topázio se filiará ao PSD

O prefeito de Florianópolis, Topázio Neto, se filia nesta quarta-feira (25) ao PSD. A partir da assinatura o movimento pró-Gean Loureiro (UB), pré-candidato ao Governo do Estado, ganhará corpo.

O aumento da musculatura de Loureiro se deve ao alinhamento estratégico com o PSD, que governará a maior população de Santa Catarina. Embora o MDB tenha mais municípios, em número de habitantes os pessedistas passarão a liderar e, isso dará a Loureiro uma força maior.

As questões têm avançado tanto, que lideranças da região Oeste começaram uma mobilização a partir de Chapecó, com a liderança do prefeito, João Rodrigues (PSD), o qual, conforme publiquei em primeira mão no início do mês, foi convidado para ser o coordenador da campanha de Gean Loureiro.

Eron ganha força para ser o vice de Gean Loureiro

Uma fonte me relatou que Rodrigues aceitará coordenar a campanha e, mais, que fará uma forte defesa do nome do ex-chefe da Casa Civil do Estado, Eron Giordani, como vice de Loureiro. Várias reuniões ocorreram durante o final de semana em Chapecó para tratar do assunto.

A mesma fonte considerou a adesão ao nome de Giordani para vice de Loureiro, como surpreendente. “Prefeitos, vices, empresários, todos se empolgaram com o projeto e, principalmente com a possibilidade do Eron ser o vice”, afirmou.

Em meio a isso, ficou acertado que haverá um roteiro pelo estado de lançamento da pré-candidatura de Gean Loureiro ao Governo do Estado. O que também está confirmado, é que serão abertos comitês suprapartidários com o slogan: “Somos todos Bolsonaro e Gean Loureiro”. A coordenação também será de João Rodrigues, que informou ao presidente da República em conversa em Brasília, que abrirá os comitês suprapartidários. Se antes a previsão era da abertura de dois, sendo um em Florianópolis e outro em Chapecó, agora recebi a informação que as grandes cidades receberão os comitês, os quais também atenderão aos pequenos e médios municípios.

Questionado sobre as informações de uma possível pré-candidatura a vice, Eron Giordani me disse que sempre ficou na arquibancada torcendo e ajudando o seu time, mas, que agora, se for escalado, está preparado para entrar em campo.

Durante o final de semana quando o assunto começou a circular nos bastidores, prefeitos e vices de alguns partidos, começaram a procurar Gean Loureiro para conversar sobre a eleição. Durante os contatos a relação de confiança que eles têm com Giordani, foi relatada ao ex-prefeito da Capital.

ALERTA!!

É expressamente proibida a cópia dos textos do SCemPauta para o compartilhamento. É PERMITIDO compartilhar, somente através do link! Quem compartilhar o texto sem o devido crédito ao SCemPauta, responderá judicialmente pelo uso indevido de nossos conteúdos!

Lula em SC

Durante um evento do Partido dos Trabalhadores durante o final de semana na Assembleia Legislativa, o presidente petista no estado, Décio Lima, confirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), pré-candidato à Presidência da República, virá a Santa Catarina acompanhado de Geraldo Alckmin (PSB), no dia 2 de junho devendo ficar até o dia 3.

Esquerda

O nome de Décio Lima foi aprovado pelo PT como o seu pré-candidato ao Governo do Estado. Um bom número de filiados lotou o plenário da Assembleia Legislativa, para o evento que contou com a presença de representantes do PDT, PCdoB, PSB, PV, Rede, Solidariedade, PSOL e PRTB. De acordo com o partido, o evento faz parte de seu processo eleitoral interno e, os nomes indicados serão submetidos à Federação Brasil da Esperança que, reúne o PT, PCdoB e PV. Posteriormente, será levado ao debate final aos partidos que compõe a Frente Democrática.

Enquanto isso

O PSB também realizou o seu evento durante o final de semana e, o senador Dário Berger foi confirmado como o pré-candidato dos socialistas ao Governo do Estado. Berger ressaltou que sua candidatura não vai compactuar com a polarização, com o fla-flu político criado no país. “O momento é de união pela democracia, e essa eleição vai muito além de direita e esquerda. Temos um projeto para tirar as pessoas da miséria, gerar emprego, renda e justiça social. Junto com o PSB chegaremos ao segundo turno nesta disputa e vamos governar Santa Catarina pensando nas pessoas em primeiro lugar”, disse.

Já o PSOL

Afrânio foi indicado ao Senado

O partido aprovou uma resolução apoiando o ex-presidente Lula (PT), para a Presidência da República, e a Décio Lima (PT) ao Governo do Estado. Questionei o presidente estadual, Mário Dutra, se a indicação a Lima, é um recado de que o PSOL somente estará na frente de centro-esquerda, se o candidato for o petista. Dutra disse que a disposição é apoiar a Lima, o qual considera o mais preparado, além de ter uma relação direita com a pré-candidatura de Lula. Caso a frente escolha outro nome, a exemplo do senador, Dário Berger, o PSOL voltará a se reunir para discutir o cenário. Além disso, o PSOL também confirmou que o vereador de Florianópolis, Afrânio Boppré, é o pré-candidato ao Senado.

Grave

A entrevista do prefeito de Massaranduba, Sesar Tassi (MDB), à rádio 105 FM de Jaraguá do Sul, trouxe à tona uma situação que até então é falada pelos prefeitos à boca pequena. O nome de Tassi aparece na carta a qual divulguei na semana passada, que me foi enviada pela assessoria de comunicação do Governo do Estado. No documento, 14 prefeitos assinam um apoio à reeleição do governador, Carlos Moisés da Silva (Republicanos). Segundo ele, foi explicado ao próprio Moisés e ao deputado estadual, Jerry Comper (MDB), que um eventual apoio a Moisés somente será dado caso o MDB não tenha candidato, explicou Tassi, que se declara apoiador de Antídio Lunelli (MDB), como pré-candidato.

Apoio em troca de obra?

Em determinado momento durante a entrevista, o prefeito de Massaranduba, Sesar Tassi (MDB), diz o seguinte: “Os 15 prefeitos também foram assinar o apoio, eu tenho certeza que todos os 15 também não são Moisés. Mas deram apoio porque eles também têm as suas obras em andamento e suas coisas para fazer nos seus municípios”. Essa fala de Tassi, revela que há sim uma pressão para cima dos prefeitos. Ou anunciam apoio, ou não cai o Pix, mais claro impossível.

Meio ambiente

O deputado federal pelo Rio Grande do Sul, Covatti Filho (Progressistas), que preside a Comissão de Meio Ambiente da Câmara, aprovou requerimento para audiência pública conjunta com a Comissão da Agricultura. A ideia é reunir as secretarias de Agricultura e de Meio Ambiente do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul, com o objetivo de discutir a desburocratização da emissão de licenças para projetos de irrigação, depois dos estados terem sofrido com graves consequências, ocasionadas pela última estiagem.  “Assim como a estiagem, a discussão sobre a irrigação é recorrente. Tem seca, ganha força. Vem a chuva, o assunto fica de lado. Temos de enxergar o armazenamento de água e a irrigação como ações de prevenção. Por isso, a necessidade e a urgência da discussão”, afirma Covatti Filho.

Apoie o SCemPauta

Fazer jornalismo de qualidade, com notícias exclusivas dos bastidores da política não é fácil. Por isso, faço um convite a vocês para que anunciem as suas empresas no SCemPauta. Apoie o nosso trabalho para que ele seja cada vez mais forte. Além de nos apoiar, você terá a sua marca sendo divulgada para todas as regiões do estado e, o melhor, em um site que tem credibilidade junto ao público. Entre em contato pelo nosso WhatsApp: (49) 98504.8148. Contamos com você!

Uso de veículo 1

O clima político entre o Executivo e a Câmara de Vereadores de Luiz Alves, deve esquentar nos próximos dias. Acontece que quatro vereadores assinaram requerimento protocolado na última sexta-feira (20), pedindo a instalação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI), com os mesmos poderes de uma CPI. A ideia é investigar a autorização e responsabilidades de agentes políticos e administrativos do município, os quais, segundo vereadores, teriam utilizado uma Van de uso exclusivo da Secretaria Municipal de Esporte Cultura (Semec), no dia 12 de maio, para participar de um ato político em Bombinhas, organizado pela deputada estadual Ana Paula da Silva, a Paulinha (Podemos).   

Uso de veículo 2

Os vereadores de Luiz Alves, João Sidnei da Silva (PL), Alexandre Wilbert (MDB), Felipe Luciani (MDB) e Terezinha Goedert Bork (MDB), que assinaram o requerimento, enfatizaram ainda no documento que o próprio prefeito, Marcos Veber (PSDB), estava entre os passageiros do veículo que teria utilizado combustível pago com recursos públicos, além do uso de motorista do quadro efetivo. A iniciativa foi do vereador, João Silva, que acionou também a ouvidoria do município para esclarecimentos. A Comissão deve ser instalada ainda hoje.

Uso de veículo 3

O vereador de Luiz Alves, João Sidnei da Silva (PL), disse durante a sessão de sexta-feira (20), que as vereadoras tucanas, Suzana Muller e Roseli Pereira, que são da base política do prefeito, Marcos Veber (PSDB), já confirmaram que participaram do encontro em Bombinhas com a deputada estadual, Ana Paula da Silva, a Paulinha (Podemos). “Elas alegaram que a viagem até lá teria sido para agradecer por recursos, verbas, liberadas para o município de Luiz Alves”, afirmou o vereador. Para ele, o agradecimento poderia ter sido feito sem a necessidade do uso de veículo e estrutura pública.

Causa animal

O deputado federal, Darci de Matos (PSD), protocolou um projeto de lei que poderá dar uma grande ajuda aos abrigos e entidades de proteção aos animais. A matéria se aprovada, fará com que seja destinado um percentual dos valores arrecadados em multas por infração ambiental, para as entidades e protetores.

Reajuste do piso

Após alinhar com o governador, Carlos Moisés da Silva (Republicanos), para que um convênio entre o Poder Executivo e o Poder Judiciário fosse firmado, o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador João Henrique Blasi, anunciou a proposta de reajustar em 50% do valor do piso e em 20% o valor do teto dos honorários no Sistema de Assistência Judiciária Gratuita (AJG/PJSC), o que inclui os defensores dativos do estado, peritos, dentre outros. A demanda havia sido apresentada pela presidente da OAB, Cláudia Prudêncio, a Moisés e Blasi.

Mourão com Moisés

O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, palestrou no evento do Republicanos em Florianópolis e, também participou do Congresso da Acaert. Ele falou de sua visão sobre o atual momento no Brasil e no mundo, além de fazer elogios a Santa Catarina e ao governador, Carlos Moisés da Silva (Republicanos). Mourão veio ao estado para, também, dar o apoio a um governador que até o momento, só conseguiu unir o seu próprio partido, o Republicanos, e o Podemos.

Para receber a coluna via WhatsApp, favor enviar mensagem com o seu nome e cidade e salvar o número: 49 98504.8148. Faça parte da lista de transmissão do site que todo mundo lê. Você também pode ativar as notificações no “Alerta do Google” e receber as nossas informações.

  Agora estamos nas redes sociais. Segue lá!
 
Instagram: @scempauta
 
Twitter:  @scempauta
 
https://www.facebook.com/scempauta