...
Antídio Lunelli Carlos Moisés da Silva Eduardo Freccia; Orvino Coelho de Ávila Rancho Queimado; Roseli Anderle; Salmir da Silva; Sérgio Murilo Costa; Topázio Silveira Neto

A pressão emedebista de prefeitos e vices; O espírito agregador de Orvino de Ávila – Coluna da Maria Helena

A Associação dos Municípios da Região da Grande Florianópolis (Granfpolis), realizou sua Assembleia Geral em Angelina, na última sexta-feira (8). Estes encontros são bimestrais, itinerantes, e deliberam sobre ações em prol dos 22 municípios associados.

O encontro em Angelina, no entanto, me chamou a atenção de forma especial pelo fato de ter reunido prefeitos e prefeitas dos municípios menores e os quatro prefeitos dos maiores municípios, o que há tempos não acontecia. Topázio Neto (Sem partido), recém-empossado prefeito de Florianópolis, Eduardo Freccia (Podemos), prefeito de Palhoça, Salmir da Silva (MDB), prefeito de Biguaçu, e Orvino Coelho de Ávila (PSD), prefeito de São José e presidente da Granfpolis.

Esta foi a segunda Assembleia da entidade do ano e a primeira presidida por Orvino que tem demonstrado espírito agregador e de defesa dos interesses regionais. Ele que sempre manifesta a importância de reunir para unir, tem conseguido estabelecer uma pauta envolvendo questões de mobilidade, meio ambiente, uso do solo urbano e desenvolvimento econômico.

O prefeito de São José quando assumiu em fevereiro a presidência da Granfpolis fez questão de enaltecer que “não existe município pequeno ou grande. Todos temos os mesmos problemas e unidos fica mais fácil solucioná-los”, disse.

Para Roseli Anderle (PT) e Sérgio Murilo Costa (PT), prefeita e vice de Angelina, e demais lideranças locais, sediar a Assembleia foi positivo pelas proposições aprovadas e pela oportunidade de apresentar o município e as suas potencialidades.

Pressão emedebista

O MDB, maior partido de Santa Catarina em número de eleitores e na  administração de 126 municípios do Estado (sendo 96 prefeitos e 67 vice-prefeitos), há tempos vem protagonizando fatos que têm desagradado suas bases e suas maiores lideranças. Quem acompanha a política sabe do que estou falando.

Após a polêmica prévia que o partido realizou quando indicou o prefeito de Jaraguá do Sul Antídio Lunelii, que renunciou ao cargo dentro do prazo eleitoral para ser o pré-candidato do partido ao cargo de governador do Estado, muitos emedebistas não se conformam pelo fato do partido não ter o governador Carlos Moisés em seus quadros e, também, pelo fato de Antídio não ter conseguido até agora dar visibilidade à sua pré-candidatura.

A reunião agendada para esta terça-feira (12), às 19 horas, no Castelmar Hotel, promete. O encontro deverá reunir a direção do partido, deputados e prefeitos e vice-prefeitos do MDB, entre outras lideranças.

Aliás, prefeitos e vice-prefeitos da região da Grande Florianópolis já estarão com o governador Carlos Moisés da Silva (Republicanos), nesta segunda-feira (11), em Rancho Queimado,  para o lançamento do Mirante Alto da Boa Vista, obra conveniada com o Governo do Estado, e para a entrega da Praça Coberta Leonardo Sell, no centro da cidade.

Após a solenidade tem roda de viola com a dupla Rick e Renner, moradores de Rancho Queimado. Um momento de descontração e pró Moisés.

O Mirante

O Mirante Alto da Boa Vista, em Rancho Queimado, será em estrutura de aço com piso de vidro especial projetado sobre o penhasco.

O Mirante será um dos maiores equipamentos ligados a um atrativo natural e deverá se consolidar como um dos maiores atrativos turísticos da região.