...
eleições2022;

Como num jogo de xadrez começou a captura ao rei

Acompanho atenta aos movimentos das lideranças políticas de Santa Catarina  que aos poucos se habilitam ao jogo político de olho nas eleições do próximo ano. Como num jogo de xadrez, a abertura do processo requer atenção e certos erros podem ser fatais.

Não sou enxadrista e não conheço a fundo as regras, mas sei que nas várias comparações do jogo com a vida destaca-se a importância que devemos dar a todas as peças para se alcançar a vitória. Na política não é diferente.

Na corrida para conquistar os eleitores os pré-candidatos precisam usar de inteligência e estratégia, mas não podem se descuidar de questões fundamentais com ética, transparência, princípios e respeito. Os eleitores, por sua vez,  ao receberem muitas informações, precisam estar cada vez mais atentos para não se deixarem enganar.

Agressividade, mentiras, promessas que dificilmente serão cumpridas, perfis falsos nas redes sociais com o objetivo de criticar e denegrir a imagem de possíveis adversários, cobranças de ações por quem teve a oportunidade de fazer e não as fez, compra de votos, entre outros, são movimentos que precisamos combater pois, embora possam levar à vitória, por certo nos trarão prejuízos reais.

Notícias falsas e mentiras de políticos já começam a circular. Segundo pesquisa de opinião do Instituto Data Senado, as redes sociais têm crescente influência para os eleitores. Os números também revelam que nas eleições de 2018 quase metade dos entrevistados afirmaram ter decidido o voto com base em informações disseminadas nas redes sociais. Comece a checar desta já a veracidade de tudo que diga respeito ao processo eleitoral.

Qualquer movimento precisa ser bem analisado neste jogo. Fiquemos atentos!