...
Carlos Moisés da Silva Daniela Reinehr Generão Hamilton Mourão Jair Bolsonaro

A reunião entre Moisés e Dreveck, mais um possível nome para a Agricultura, Árabes voltam a falar em boicote caso mude a embaixada do Brasil em Israel entre outros destaques

Moisés e Dreveck conversaram por quase uma hora.

O governador eleito, Carlos Moisés da Silva (PSL), conversou por quase uma hora, ontem à tarde com o presidente da Assembleia Legislativa, Sílvio Dreveck (Progressistas). Moisés chegou ao Palácio Barriga Verde por volta das 16h10, acompanhado de assessores da transição e do deputado estadual eleito, coronel Onir Mocellin (PSL), que será o líder do governo na Alesc na próxima legislatura, que começa em fevereiro.

Apesar da comitiva, o encontro foi a portas fechadas e somente entre Moisés e Dreveck. O visitante começou afirmando que considera importante a aproximação e o diálogo entre os poderes. Ele também explicou para Dreveck, como está sendo o trabalho para a reforma administrativa, destacou os principais desafios e como sanar as contas do Estado, além de sua expectativa para o encontro de hoje que terá com o presidente da República eleito, Jair Bolsonaro (PSL).

Dreveck agradeceu a Moisés pela visita, iniciativa a qual considerou importante. Ele também disse acreditar que o novo governo tem as condições necessárias para fazer um bom trabalho. Ao final se cumprimentaram e, Moisés deixou o parlamento por volta das 17h30.

Hoje o governador eleito viaja para Brasília, onde se reunirá as 14h30 com o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), no Centro Cultural Banco do Brasil. Moisés deve chegar logo após as 10h, no voo da Avianca. Ele levará os números das finanças de Santa Catarina para pedir o apoio de Bolsonaro, já que o Estado tem problema com as suas finanças, tanto, que ficarão restos a pagar para o novo governo. Além disso, conversarão sobre futuros alinhamentos estratégicos entre a gestão estadual e o Governo Federal.

Moisés e as bancadas

Articulado pelo futuro líder do governo na Assembleia Legislativa, coronel Onir Mocellin (PSL), o governador eleito, Carlos Moisés da Silva (PSL), receberá nas próximas segunda e terça-feira os deputados estaduais que terão mandato a partir de fevereiro do próximo ano. Todos os parlamentares serão atendidos, sendo que está sendo reservado na agenda, uma hora e meia entre as audiências.

Nomes

O diretor-executivo do Sindicato das Indústrias da Carne e Derivados no Estado de Santa Catarina (Sindicarne), Ricardo de Gouvêa, é mais um nome que está sendo analisado como uma possibilidade de ser convidado para ser o secretário de Estado da Agricultura. O nome agrada pelo fato de não ter filiação partidária no MDB, a exemplo dos demais cotados, Valdir Colatto e Airton Spies. Gouvêa me disse que ainda não foi convidado. Um outro nome que não foi revelado, seria de um indicado da Coopercentral Aurora e da OCESC. O diretor de agropecuária da Aurora, Marcos Zordan, negou que a agroindústria tenha feito qualquer indicação.

Seguem as críticas

O comentário em Florianópolis é que o governador eleito, Carlos Moisés da Silva (PSL), poderia se inspirar no jovem presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador Rodrigo Collaço, que vem promovendo uma verdadeira revolução na comunicação do Poder Judiciário catarinense. Ao invés de se esconder atrás de assessores ou recorrer às redes sociais para dizer apenas aquilo que lhe interessa, Collaço aumentou a equipe de comunicação, inclusive nas comarcas-polo do interior, e fica permanentemente à disposição da imprensa para responder quaisquer questionamentos, sejam eles convenientes ou não. Nos dias de hoje o gestor público pode e deve usar as redes sociais para se comunicar diretamente, mas nada justifica tentar “fugir” do confronto de ideias e do debate franco e aberto com a imprensa.

Vice em Chapecó

Daniela com empresários de Chapecó.

A vice-governadora eleita, Daniela Reinehr (PSL), esteve ontem em Chapecó onde se reuniu com dirigentes de entidades empresariais, na sede da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), a convite do Conselho Empresarial de Chapecó (CEC). Apesar de ainda não ter muito conhecimento a respeito da estrutura pública, Daniela se mostrou interessada, tanto, que não parou de anotar durante o encontro. Para Florianópolis, ela levou uma pauta extensa que inclui a construção dos contornos viários Leste e Oeste, a ampliação do Aeroporto Serafim Enoss Bertaso, o projeto para o futuro sistema de suprimento de água com captação no Rio Chapecozinho, recursos para o Hospital Regional do Oeste e a criação de um Colégio Militar para Chapecó.

Despachará em Chapecó

A vice-governadora eleita, Daniela Reinehr (PSL), disse aos empresários presentes ao encontro, da ACIC, Cidnei Barozzi, Nelson Akimoto e Fabio Magro, do Conselho Empresarial, Djalma Azevedo, do Sindicato do Comércio da Região de Chapecó, Marcos Barbieri e Ricardo Urbancic, além de assessores, que deseja manter uma intensa cooperação com as entidades. Em uma iniciativa inovadora, Daniela também pensa em despachar habitualmente na sede da Associação Comercial e Industrial de Chapecó, a exemplo do que fez durante a manhã de ontem.

Errou

Daniela Reinehr (PSL) até o momento, só errou quando deixou o processo de transição por dez dias para viajar a Israel. Sinceramente, a ida ao Oriente Médio a princípio, não deverá render nada de significativo para Santa Catarina. Daniela deveria ter ficado em Florianópolis, participando das reuniões, se informando a respeito da situação financeira do Estado e, principalmente, conhecendo toda a estrutura já que não tem o conhecimento do tamanho real do governo. Seja diplomacia ou turismo, é importante dizer que foi na hora errada.

Clique e assista ao vídeo de Daniela em Israel:

Embaixadores da PazReginaduarte manda uma abraço Daniela Cristina Reinehr nossa vice governadora também Estamos levando Santa Catarina e o Brasil a novas oportunidades.São Miguel Do Oeste ChapecóSanta Catarina

Posted by Jungles Wegher on Wednesday, November 28, 2018

Curioso

Altair Reinehr é um professor e conferencista que mora em Maravilha no Extremo-Oeste. Pai da vice-governadora eleita, Daniela Reinehr (PSL), ele é apontado como revisionista e negacionista do holocausto judeu. Após uma viagem à Alemanha, Reinehr escreveu: “Braunau é a cidade natal de Adolf Hitler, que após uma infância bastante infeliz, teve uma adolescência e juventude marcada por enormes dificuldades, sacrifícios de toda a ordem e notadamente incompreensões. Após a I Guerra Mundial, passou vários anos numa prisão em Landsberg, onde escreveu o seu livro “Mein Kampf” (Minha Luta)”. Na foto, Altair em frente a casa onde Hittler nasceu.

Em falar…

Foi publicado na madrugada de hoje no site do The Jerusalém Post, um dos principais periódicos e portal de notícias de Israel, que embaixadores de países árabes devem se reunir em Brasília, para discutir o plano do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), de seguir a decisão do presidente norte-americano, Donald Trump, de reconhecer Jerusalém como a capital israelense. Uma carta também foi enviada a Bolsonaro, assinada pelo secretário-geral da Liga Árabe, Ahmed Aboul Gheit, dizendo que a decisão sobre onde localizar uma embaixada era soberana de qualquer país, no entanto, que a situação de Israel não é normal, visto que é um país que tem ocupado territórios palestinos à força, entre eles, Jerusalém Oriental, diz a carta. Além disso, voltaram a alertar o Brasil sobre um possível boicote à carne brasileira, que se acontecer, vai gerar um prejuízo sem precedentes para o Estado e principalmente para o Oeste.

Sem veto

Nas conversas na Assembleia Legislativa a respeito das comissões permanentes, o nome da deputada estadual, Luciane Carminatti (PT), não recebeu veto à sua intenção de seguir na Comissão de Educação, tanto, que ela abriu mão de tentar a liderança da bancada que ficará a cargo de Fabiano da Luz.

Assistência Social

Ontem se consolidou o processo de mudança da Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação para o prédio da antiga Cohab, que fica no bairro estreito, na parte continental de Florianópolis. O início da mudança já havia ocorrido quando a Secretaria Executiva de Habitação, que tem como gestor o ex-prefeito de Urupema Amarildo Gaio, foi para o prédio há cerca de um mês. Com a ida da Diretoria de Assistência Social, sob o comando da psicóloga, Sandra Coimbra, o processo se consolidou. Segundo a secretária Romanna Remor a mudança completa é uma questão de logística e até o final do ano todos os setores já deverão estar na nova sede.

Na pauta

A Ação Cível Originária (ACO) 444, que discute a retificação de demarcação do limite interestadual marítimo entre Santa Catarina e Paraná, para fins de distribuição de royalties a título de indenização aos estados e municípios devido à exploração de poços de petróleo foi incluída no calendário de julgamento pelo Presidente do STF, ministro Antonio Dias Toffoli. A confirmação foi anunciada após o pedido através de ofício do deputado federal Esperidião Amin (Progressistas). O julgamento já acontece nesta amanhã. A ação constava na pauta do dia 28 de novembro, porém houve a retirada em razão de outro assunto.

Ilhas irmãs

Mykonos, é um dos locais mais lindos do mundo.

Uma comitiva grega chega a Santa Catarina esta semana para começar a prospectar parcerias e negócios com empresas catarinenses. A Fecomércio receberá a delegação amanhã, para apresentá-la ao trade turístico local, a partir das 9h, no Hotel Sesc Cacupé, em Florianópolis. O objetivo do evento, realizado em parceria com a Embaixada do Brasil em Atenas e Embaixada da Grécia no Brasil, é estreitar o diálogo e transformar Mykonos e Florianópolis em “ilhas irmãs”. Entre os convidados do país europeu estão o vice-governador do Sul do Mar Egeu, Stylianos Marios Brigos, o embaixador de interconexões da Câmara de Comércio Helênica Americana, Kostas Skagias, além de outros empresários que prestam assistência ao governo grego na promoção dos destinos. De acordo com o presidente da Fecomércio SC, Bruno Breithaupt, o encontro abrirá oportunidades de networking empresarial, especialmente no setor de turismo e gastronomia, e pode promover um rico intercâmbio de conhecimento.

Bolsonaro diplomado

O Tribunal Superior Eleitoral realizou ontem, a cerimônia de diplomação do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), e seu vice, o general Hamilton Mourão (PRTB). No evento, foram entregues os diplomas. Bolsonaro se emocionou em alguns momentos. Assista o discurso feito por ele.

 

Receba pelo celular !!
 
Para receber via WhatsApp é só enviar uma mensagem pelo (49) 98504.8148.
 
Patrocine esta coluna: (49) 985048148 / email: mlula.jornalista@gmail.com