...
Alesc Antonio Rueda Blumenau Blumob Carlos Moisés da Silva Cofem CPI Fábio Schiochet Ivan Tauffer Jair Bolsonaro Luciano Bivar Mário de Aguiar Mauro De Nadal Petrolândia Reforma da Previdência SC em Pauta SCemDebate SCemPauta Sérgio Alves Unesc

Setor empresarial apoia a Reforma da Previdência estadual; Futuro partidário de Moisés; CPI em Blumenau entre outros destaques

Para seguir recebendo a coluna via WhatsApp, favor salvar o número: 49 98504.8148. Para quem ainda não recebe, favor enviar mensagem para o mesmo número.   FAZER JORNALISMO COM INDEPENDÊNCIA CUSTA CARO. ANUNCIE NO SCEMPAUTA E APOIE A CONTINUIDADE DE NOSSO TRABALHO!

A Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC), entrou de cabeça em apoio a reforma da previdência estadual. Para o presidente Mário de Aguiar, a proposta é oportuna, necessária e urgente. “Mais do que um assunto relativo ao governo e aos servidores públicos, é uma questão de responsabilidade, relevante para toda a sociedade. Se não resolver a questão agora, não haverá recursos para o pagamento futuro dos benefícios aos aposentados e, a capacidade de investimento do Estado, que já é baixa, será totalmente consumida”, afirma.

Segundo dados repassados pelo Governo do Estado ao setor empresarial em reunião virtual nesta semana, a previdência estadual tem um déficit financeiro total de R$ 4,8 bilhões anuais, considerando servidores civis e militares. Aguiar cumprimentou o governador pela iniciativa de enviar a proposta à Assembleia Legislativa.

Aguiar alerta que se a questão não for resolvida agora, o problema vai se agravar. “Por isso, a reforma tem todo o apoio da FIESC”, disse. Ele também convidou o presidente do Instituto de Previdência (Iprev), Marcelo Panosso Mendonça, para apresentar a situação previdenciária aos industriais catarinenses, durante a reunião de diretoria da entidade no próximo dia 25

O presidente da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), Sérgio Alves, também apoia a iniciativa. Ele disse que o governo tem o seu total e irrestrito apoio em relação ao projeto da reforma. “Esta reforma está nos mesmos moldes aprovada no âmbito federal, corrige distorções gritantes no pagamento dos benefícios, diminui o déficit previdenciário e é um projeto pensando no futuro dos catarinenses que conclamam mais investimentos em infraestrutura. Governador Moisés está dando uma demonstração de coragem e responsabilidade com as contas públicas. Parabéns governador”, disse Alves.

Outra liderança favorável à reforma é o presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC), Ivan Tauffer. “O tema é delicado, mas esta reforma é urgente”, comentou, completando que a aprovação da reforma é fundamental para auxiliar na redução do déficit da previdência, para promover o equilíbrio das contas do Estado e, garantir investimentos em áreas essenciais como saúde, educação, segurança e infraestrutura. Atualmente, para cada aposentado pelo Estado, são necessários dois ativos para manter o custo.

Futuro de Moisés

O governador Carlos Moisés da Silva (PSL) conversou com o presidente nacional de seu partido, o deputado Luciano Bivar, e com o vice Antônio Rueda. Segundo uma fonte que acompanhou as conversas, Moisés até aceita ficar no partido, desde que tenha o comando, ou possa apontar o próximo presidente. A justificativa de Moisés para o pedido, é que para ele, um candidato a deputado não pode ter a presidência, sob o risco de direcionar as forças do partido. A fonte fez questão de dizer que o governador não tem nada contra o atual presidente do PSL, deputado Fábio Schiochet, mas somente ficará no partido se tiver o comando. Vale lembrar que o Republicanos é outra opção.

Influência?

Fontes militares informaram ontem após terem lido a nota sobre as viagens da vice-governadora, Daniela Reinehr (sem partido), a Brasília, sem ter agenda oficial, que a amizade que ela tem com o coronel da reserva do Exército, Freibergue Rubem do Nascimento, pode ter influenciado no declínio do Governo Federal em uma nomeação. Acontece que o atual secretário de Segurança de Florianópolis, o coronel Araújo Gomes, foi indicado para o cargo de secretário Nacional de Segurança Pública. Fontes afirmam que a amizade de Daniela com alguns bolsonaristas ajudaram a impedir a nomeação de Araújo, já que ela queria a indicação de Freibergue. Ao final, Santa Catarina perdeu com a não ida de Araújo Gomes para o cargo e, ela não teve força para emplacar o nome de seu amigo.

Separando as coisas

A vida privada da vice-governadora Daniela Reinehr (sem partido) ou de qualquer outra figura pública, não deve interessar a ninguém. Ela tem total direito à privacidade, salvo, se a viagem for com dinheiro público. Passagens, diárias entre outros, neste caso, Daniela precisa sim, explicar o que tem feito em Brasília.

Pinho Moreira

O ex-governador Eduardo Pinho Moreira (MDB), já recebeu alta de seus médicos. Ele ficou alguns dias internado no hospital Baía Sul em Florianópolis por causa da Covid. O emedebista chegou a ter uma forte desidratação além de uma febre constante.

CPI em Blumenau?

Sete vereadores de Blumenau assinaram e protocolaram um requerimento solicitando a abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), para apurar possíveis irregularidades em um contrato firmado pelo Município com a empresa de transporte coletivo Blumob. Os vereadores que assinaram o documento foram Carlos Wagner, o Alemão (PSL), Adriano Pereira (PT), Bruno Cunha (Cidadania), Emmanuel Tuca (Novo), Gilson de Souza (Patriota), José Victor Iten (Progressistas) e Silmara Miguel (PSD). Segundo o documento, uma das possíveis irregularidades seria o descumprimento das medidas sanitárias de enfrentamento à pandemia, em relação ao distanciamento social nos ônibus. Outra ação irregular citada seriam os subsídios financeiros repassados pela Prefeitura à Blumob, os quais, segundo o Portal da Transparência, totalizam R$ 16 milhões.

Já tem os votos

Com as sete assinaturas, a Câmara de Vereadores de Blumenau já pode avaliar o pedido de abertura da CPI. O mínimo são cinco vereadores. O requerimento foi encaminhado à Procuradoria Jurídica da Casa, para verificação se o documento satisfaz os requisitos regimentais previstos no Artigo 68 do Regimento Interno. Caso os requisitos sejam cumpridos, será elaborada uma Resolução da Mesa Diretora que, após publicada, instaurará a CPI. No pedido de abertura da CPI, é apontada inconsistência no percentual de operação do serviço, uma vez que foi indicado que o sistema opera com 69,76% da capacidade, ao passo que cálculos aritméticos simples apontam para o percentual de 57,19%. Por fim, o documento cita a violação aos §§3º e 8º da cláusula sétima do Contrato nº. 042/2017, em relação ao cumprimento da obrigação de construção da garagem, e a demora injustificada na expedição de alvarás ambientais para cumprimento da obrigação que aguarda mais de um ano e meio.

Observadores na Alesc

Representantes do Transparencia Electoral e da Conferência Americana de Organismos Electorales Subnacionales por la Transparencia Electoral (Caoeste) estiveram ontem na Assembleia Legislativa para agradecer o apoio institucional recebido para a atuação no estado. Eles foram recebidos pelo presidente, deputado Mauro de Nadal (MDB), e pelo 2º vice-presidente, deputado Kennedy Nunes (PSD). A presença dos observadores internacionais em Santa Catarina tem o propósito de acompanhar as eleições que acontecem neste domingo (13) em Petrolândia, no Alto Vale do Itajaí. Esta será a primeira experiência do tipo no Brasil. A presença da delegação internacional funcionará como ponto de partida para o desenvolvimento de um sistema complementar de acompanhamento das eleições brasileiras.

Ambulância para o Samu

A deputada federal Carmen Zanotto (Cidadania) indicou da sua cota parte das emendas de Bancada, R$ 3 milhões que serão investidos para a renovação da frota do Samu. Nesta etapa serão contemplados os municípios de Bom Retiro, São Joaquim, Bombinhas, Fraiburgo, Itapoá, Balneário Camboriú e Criciúma com uma ambulância cada. Já o município de Lages receberá duas ambulâncias, sendo uma delas de Unidade de Suporte Avançado.

Condecoração

O deputado federal Coronel Armando (PSL) foi condecorado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) com a medalha da Ordem do Mérito da Defesa. A cerimônia para entrega da honraria aconteceu no Clube do Exército, em Brasília, ontem de manhã. A homenagem é concedida àqueles que prestam relevantes serviços ao Ministério da Defesa e às Forças Armadas do Brasil.

Parques aquícolas

A Superintendência do Patrimônio da União em Santa Catarina formalizou entrega de duas áreas para a Secretaria de Agricultura, as quais serão destinadas para implantação de Parques Aquícolas em Garopaba. As áreas somam 15 mil m², com valor estimado de R$ 10 milhões. Somando a entregas realizadas em fevereiro, são seis projetos deste ramo apoiados somente em 2021, o que fomenta o papel de Santa Catarina como uma das maiores produtoras de maricultura no país, apoiando as famílias envolvidas e a atuação do setor e da pesca regional no Estado.

Vacinação na capital

Profissionais da Secretaria de Saúde de Florianópolis, já vacinaram 200 mil pessoas contra o novo Coronavírus. Ao todo o município já aplicou a primeira dose da vacina contra a Covid em 49,10% da população vacinável, ficando a frente da média nacional (31,7%).

Celesc

O Consórcio Aliança, integrado pela Celesc e EDP, está concluindo as obras para a entrega do primeiro trecho do Lote 21 de subestação e linhas de transmissão de energia, que interligará as cidades de Biguaçu, Siderópolis e Forquilhinha. Ontem um grupo formado por autoridades e parceiros visitou a obra, que soma investimentos de R$ 1,1 bilhão. O objetivo é reforçar as linhas de alta tensão no estado e criar uma nova conexão com o Sistema Interligado Nacional. A primeira parte da obra, Subestação Siderópolis 2 e linhas de transmissão, gerou mais de 4 mil empregos diretos e uma capacidade de transformação que pode atender mais de 1.6 milhão de famílias. A SE Siderópolis 2 tem capacidade de transformação de 672 MW e um conjunto de Linhas de Transmissão que totalizam 180 km.

Voo para Curitiba

A partir do próximo dia 16, o Aeroporto Internacional de Florianópolis passa a ter voos direto para Curitiba, no Paraná. A Companhia Aérea Regional Aerosul fará a rota 5 vezes por semana. Além de Curitiba, o voo também terá conexão para Londrina, outra importante cidade no Norte do Paraná, com grande fluxo de visitantes para Florianópolis e região. O modelo de aeronave é o C208 Grand Caravan, com disposição de 9 assentos. Para o início da rota, as passagens estão com preço promocional a partir de R$ 299 por trecho. Os horários estão definidos com saída de Florianópolis: 14:20 – Chegada em Curitiba: 15:30. Saída de Curitiba: 09:00 – Chegada em Florianópolis: 10:10

Votação histórica na Unesc

Luciane Bisognin Ceretta foi reeleita reitora ontem, em votação histórica na Unesc, em Criciúma. Foram 8.786 votos, representando 97% dos votos válidos. A instituição é a única universidade de Santa Catarina que possibilita voto universal, direto e secreto para a Reitoria. As eleições em 2021 superaram as de 2017 em número de participantes e votos válidos. Ao lado do reitor da Unoesc, Aristides Cimadon, Ceretta ocupa o cargo de vice-presidente da Acafe, e tem conquistado posição de destaque no estado, frente à luta pela defesa das instituições comunitárias e as bolsas do artigo 170.

Debate

Ontem realizamos mais um debate aqui no SCemPauta. Todas as terças e quintas-feiras vocês podem acompanhar a Maria Helena, Ananias Cipriano e eu, Marcelo Lula, debatendo as principais pautas da política e economia de Santa Catarina. O programa SCemDebate vai ao ar ao vivo a partir das 22h e você pode comentar em tempo real. Clique para assistir ao debate de ontem:

ATENÇÃO!!

Devido a um problema de memória do telefone, alguns contatos de pessoas que pediram para receber a coluna e demais informações foram perdidos. Se você pediu para receber via WhatsApp, mas não está recebendo, favor informar novamente o número. Obrigado!

Para seguir recebendo a coluna via WhatsApp, favor salvar o número: 49 98504.8148. Para quem ainda não recebe, favor enviar mensagem para o mesmo número.   FAZER JORNALISMO COM INDEPENDÊNCIA CUSTA CARO. ANUNCIE NO SCEMPAUTA E APOIE A CONTINUIDADE DE NOSSO TRABALHO!