...

Júlio Garcia volta a ser denunciado na Alcatraz

O presidente da Assembleia Legislativa Júlio Garcia (PSD) foi denunciado pelo Ministério Público, junto com mais 13 pessoas, entre as quais, o ex-secretário Nelson Nappi Júnior. Agora, caberá a juíza Janaína Cassol, dizer se acata, ou não a denúncia. Entre as medidas pedidas pelo MP, está a devolução de R$ 1,19 milhão, pois, segundo a denúncia, o grupo teria supostamente fraudado um pregão da Secretaria de Estado da Administração que tratava da contratação de serviços telefônicos, além da manutenção de plataforma de tecnologia via internet.

Garcia e os demais citados foram denunciados por corrupção, peculato e fraude em licitação. Em nota, à defesa do presidente da Alesc afirma que a Operação Alcatraz protagoniza mais uma “queima de reputações”, como definiu. Também segundo a defesa de Garcia, na denúncia é apontado que não há qualquer elemento que comprove a participação do deputado em qualquer ato ilícito.

Uso político

O governador Carlos Moisés da Silva (PSL) tem feito um uso político da situação de Júlio Garcia (PSD), para desviar o foco das investigações as quais enfrenta. Ele chegou a ameaçar falar em nomes de investigados, porém, até o momento não apresentou nada publicamente.