...
Carlos Moisés da Silva Concurso Público IGP Jonas Santana Pereira Jonatas Santana Pereira

Governo amplia vaga no IGP e sobrinho de Moisés é chamado

Em 2017 o então governo de Raimundo Colombo (PSD), lançou o edital de Concurso Público IGP/SC nº 001/2017. Entre as vagas para o Instituto Geral de Perícias estavam previstas 10 para perito criminal engenharias, 4 para perito criminal informática, 4 vagas para perito criminal áudio e vídeo, entre outras, incluindo 9 vagas para “perito criminal geral”, que era o primeiro item da lista.

Edital que previa 9 vagas de perito geral.

Acontece que na convocação feita pela governador, Carlos Moisés da Silva (PSL), ao invés de 9 chamados para a vaga de perito criminal geral como estava previsto no edital, foram 30 pessoas convocadas.

Segundo uma fonte ligada ao setor de Segurança Pública do Estado, causou estranheza o aumento do número de convocados gerando uma suspeita entre alguns servidores, que a motivação tenha sido o sobrinho de Moisés, Jonatas Santana Pereira, que ficou em 27º lugar no concurso.

Além disso, há um questionamento dentro do próprio instituto para qual cidade Jonatas será enviado. A questão é se ele ficará na cidade onde mora, ou se o enviarão ao interior do estado, onde há uma maior necessidade de peritos.

Procurei a assessoria do governador e do IGP. A assessoria do Instituto ficou de enviar uma manifestação, enquanto que a assessoria de Moisés ainda não se manifestou.

Relação familiar

Jonatas Santana Pereira é filho do delegado aposentado, Jonas Santana Pereira, cunhado e um dos principais conselheiros do governador, Carlos Moisés da Silva (PSL).

A relação deles é de tanta confiança, que Jonas constantemente visita Moisés e até o acompanha em alguns compromissos. Desde o início da eleição, o delegado aposentado era visto sempre ao lado do hoje governador, tanto, que era dito que a sua atuação era de assessor e até de segurança.