Os bastidores do jantar entre Merisio e Kassab

Hotel Majestic foi o local do encontro.

O jantar entre o pré-candidato ao Governo do Estado Gelson Merisio (PSD), e o presidente nacional pessedista, o ministro da Ciência e Tecnologia Gilberto Kassab, terminou por volta da meia-noite. Segundo uma fonte, a conversa foi reservada no restaurante do Hotel Majestic, e os assessores não ficaram por perto. Kassab veio ao estado com um tom conciliador, argumentando que é importante criar um ambiente de unidade e de mais conversa dentro do PSD. “Vamos criar convergências através do diálogo”, pediu o ministro a Merisio.

Um ponto que ficou claro durante o encontro, é que há uma forte pressão para o PSD fechar uma coligação de forma antecipada, com Paulo Bauer (PSDB) na cabeça de uma eventual aliança, situação que tem sido defendida pelo ex-governador Jorge Bornhausen, com o apoio do governador licenciado Raimundo Colombo (PSD). Além disso, Colombo também está com os olhos voltados ao MDB, se Udo Dohler for o candidato. Também de acordo com a fonte, Merisio teria argumentado que não é o momento para essa definição, e que há encaminhamentos dentro da legenda em relação ao Progressistas.

Um ponto que chamou a atenção, é que a palavra “intervenção” não foi cogitada por Kassab e, ao final, ambos avaliaram que o encontro foi amistoso, com a decisão de se buscar convergências através do diálogo. Uma nova reunião ficou agendada em Brasília para a próxima semana.

Deixe seu comentário:

Pin It on Pinterest