Mulheres negras se mobilizam na Comissão dos Direitos da Mulher em Florianópolis

Nesta segunda-feira (20/11), data em que todo o Brasil celebrou o dia da Consciência Negra, a campanha “16 dias de ativismo pelo fim da violência contra mulheres” foi debatida em reunião da Comissão dos Direitos da Mulher da Câmara.  A proposta do encontro é trabalhar um plano de ação específico para mulher negra, combatendo a violência, a vulnerabilidade e a inserção no mercado de trabalho.

O mapa da violência em Santa Catarina mostra um aumento em 40% no número de negras agredidas no Estado. Para a integrante do Coletivo Pretas em Desterro, Cristiane Mare, o forte preconceito existente ainda na sociedade e a recriminação sofrida constantemente deve ser combatida.

“Precisamos pensar a importância em dar apoio não só emocional a essas mulheres, mas também o empoderamento para enfrentar a violência doméstica e ter mais oportunidades no mercado de trabalho”, destacou Cristiane.

Na reunião algumas mulheres negras representantes de movimentos comunitários foram convidadas a falar das suas dificuldades, problemas, ações desenvolvidas dentro da suas comunidades e a importância dos apoiadores a elas.

Para a representante do Projeto Revolução dos Baldinhos da comunidade Chico Mendes, Ana Karolina da Conceição nas pequenas ações feitas acabamos ajudando pessoas que estão doentes, com depressão ou vivem sozinhas a estarem inseridas nas atividades junto à comunidade.

Diversas atividades serão realizadas até o dia 03 de dezembro, pela Prefeitura de Florianópolis com o objetivo de extinguir toda forma de discriminação e desigualdade. A reunião foi presidida pelo vereador Lino Peres (PT) e teve a participação do vereador Marquito (PSOL) e integrantes do Coletivo Pretas em Desterro, da Revolução dos Baldinhos e representantes da sociedade civil.

Clique aqui e confira a programação completa do Mês da Consciência Negra.

REVOLUÇÃO DOS BALDINHOS – A Revolução dos Baldinhos é a gestão comunitária de resíduos orgânicos sincronizada à prática de Agricultura Urbana, idealizada e implementada pelo Cepagro na comunidade Chico Mendes, localizado no Bairro Monte Cristo, em Florianópolis.

Deixe seu comentário:

Pin It on Pinterest