MDB: Uma semana para decidir o candidato ao Governo

Em reunião na manhã de hoje na sede estadual do MDB em Florianópolis, foi discutida a situação do partido quanto a uma indicação de quem disputará o Governo do Estado.

Após uma hora e meia de conversa, o governador Eduardo Pinho Moreira sugeriu o prazo de uma semana para o diálogo. O objetivo é a busca pelo consenso no processo de encaminhamento na candidatura à Casa D’Agronômica, entre ele, e o atual presidente da sigla Mauro Mariani. “Eleição não é um gesto de uma pessoa só, eleição é um gesto de um processo coletivo”, disse o governador.

Segundo uma fonte, a reunião foi amena, o que demonstrou uma grande maturidade das lideranças que participaram, sobretudo da parte de Pinho Moreira que presidiu o partido durante 11 anos, e de Mariani atual líder emedebista.

Portanto, será na segunda-feira da próxima semana, em uma nova reunião na capital, que será anunciado se houve algum entendimento. Para isso, algumas reuniões entre os postulantes a candidatura devem ser realizadas nos próximos dias. Há um apelo da executiva para que se adiante a escolha, para evitar prejuízo em relação a política de alianças. “Estamos atrasados quanto as conversas com os outros partidos. Se tivermos um candidato que lidere, logo teremos uma aliança”, destacou uma fonte.

Participaram do encontro além de Mariani e Pinho Moreira, os deputados federais Valdir Colatto, Celso Maldaner e Rogério Peninha Mendonça. Dos deputados estaduais estiveram presente Valdir Cobalchini, Carlos Chiodini, Mauro De Nadal, Dirce Heiderscheidt e Ada de Luca. O senador Dário Berger, o presidente de honra Casildo Maldaner e o ex-governador Paulo Afonso Vieira também marcaram presença.

Deixe seu comentário:

Pin It on Pinterest