MDB do Sul abraça Mariani, Amin e Merisio se reúnem no final de semana, as dificuldades de Simone Schramm no governo entrou outros destaques

Pinho Moreira abraça a pré-candidatura de Mariani.

O governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) recebeu ontem a noite na Casa D’Agronômica para um jantar, lideranças do Sul do estado, onde fica a sua base eleitoral. Mesmo sob a desconfiança e questionamentos dos emedebistas da região de Criciúma, que desejavam ver em Pinho Moreira, o candidato para que a região siga na majoritária, Mariani obteve gestos de apoio, após um pedido do atual governador de fortalecimento do pré-candidato ao Governo do Estado.

Ao todo, 13 prefeitos, sete vices e lideranças de mais de 20 municípios do Sul, ouviram de Pinho Moreira que Mauro Mariani é forjado na coragem e, capaz de promover as mudanças que estão se mostrando cada vez mais necessárias. “O Mauro conhece o Sul do Estado. Foi secretário da infraestrutura, como deputado federal atuou como presidente da Frente Parlamentar viabilizando recursos para todo o Estado. O que nós precisamos agora é unidade, com energia, com força, por isso, daqui para frente quero deixar claro que nosso candidato é o Mauro Mariani, e ele manterá todos os meus compromissos com o Sul do Estado”, afirmou o governador, sob os aplausos dos presentes e um forte abraço de Mariani.

Em sua fala, o pré-candidato elogiou a postura de Pinho Moreira em prol da unidade partidária, e destacou os desafios enfrentados por ele a frente do governo. Na mesma linha do discurso do governador, Mariani fez uma promessa aos presentes, ao dizer que os compromissos de Pinho Moreira com o Sul do Estado são os seus, e pediu a união de todos. “O gesto que o Eduardo promoveu foi uma atitude em prol de Santa Catarina em primeiro lugar. Uma atitude responsável com o povo catarinense. Cabe a nós agora buscar demonstrar a união. Sou grato a cada um de vocês pelo apoio e pelo voto de confiança”, disse.

Ao final, o entendimento é que o MDB do Sul fechará com Mariani, mas que também será necessária a construção junto a região. Para isso, um evento estará sendo anunciado para a segunda quinzena deste mês em Criciúma. Pelo visto, os partidários já começam a ter o entendimento de que abrir espaço para mais um debate sobre outros nomes ao governo, poderá gerar um racha no MDB sem precedentes. Em época de campanha curta, qualquer crise poderá não ter o tempo suficiente para ser sanada.

Após a noite de ontem, Mariani vem a Chapecó no sábado (7) ainda mais fortalecido entre os emedebistas, para encontrar no seu partido no Oeste, o apoio que já havia sido anunciado ao seu nome.

Não fechará

Além de ter que se dedicar integralmente ao Governo do Estado, Eduardo Pinho Moreira (MDB) também declinou de sua candidatura, por entender que poderá ficar inelegível. Conforme ele já havia me confirmado, não terá como fechar as contas do Estado, descumprindo a Lei de Responsabilidade. Além da difícil situação que já se encontrava a economia estadual, a greve dos caminhoneiros derrubou a arrecadação tornando a situação praticamente irreversível.

Dificuldade na PM

Segundo uma fonte, a Polícia Militar se encontra em dificuldade em relação as suas viaturas. Há cerca de quatro meses não são pagas as manutenções dos veículos, fazendo com que em alguns municípios não tenha mais o serviço de plantão aos finais de semana.

Convenção progressista

Dreveck propôs o dia 28.

A executiva estadual do Progressistas deve ficar para o próximo dia 28 em Florianópolis. A proposta foi apresentada pelo presidente do partido, deputado Silvio Dreveck, que tem conversado com a bancada do partido na Assembleia Legislativa e com o pré-candidato a governador, deputado Esperidião Amin, que já teria proposto uma data anterior, entre os dias 21 e 22. Ontem a tarde Dreveck e Amin conversaram rapidamente no cafezinho do Congresso Nacional. Ficou acertado que segue como prioridade o entendimento com o PSD e a manutenção do diálogo até se esgotar.

Nova reunião

Está agendada para este final de semana, uma nova reunião em Florianópolis entre os pré-candidatos ao Governo do Estado, deputados Gelson Merisio (PSD) e Esperidião Amin (Progressistas). Também devem participar o presidente estadual do Progressistas, deputado Silvio Dreveck e o ex-governador Raimundo Colombo (PSD). Segundo uma fonte, se não houver um acordo, pelo menos os encaminhamentos devem ser feitos para uma definição nos próximos dias.

Pensando SC

O pré-candidato ao Governo do Estado, deputado Gelson Merisio (PSD) estará hoje em Joinville. Ele quer promover um debate intitulado “Pensando SC”, onde estimulará ideias criativas sobre eficiência, segurança, saúde e educação. O evento que está marcado para o auditório da OAB com início as 19h, deverá receber cerca de 350 pessoas. A ideia é iniciar com uma palestra, passando após para um debate com empresários e outros influenciadores do Norte do estado.

Ideli vai

A ex-ministra Ideli Salvatti (PT) diz que está fugindo de uma pré-candidatura ao Senado, porém, foi possível sentir durante a conversa que tivemos que falará mais forte o desejo de retornar para a política. Após inúmeras reuniões onde lideranças petistas insistiram para que ela aceite disputar, o sim deve imperar. A leitura dentro das hostes petistas é que o nome de Ideli tem a capilaridade que o partido precisa. Além disso, ela poderá se tornar não só a candidata do PT, mas de boa parte da esquerda catarinense, sobretudo devido a sua proximidade com o ex-presidente Lula (PT). “É uma rapaziada tentadora, mas eu ando fugindo da tentação. Tenho algumas resistências”, me disse Ideli.

As resistências…

Ideli Salvatti passou um pouco mais de dois anos morando em Washington nos Estados Unidos, quando assumiu o cargo de secretária de Acesso a Direitos e Equidade da Organização dos Estados Americanos (OEA). De volta ao Brasil, tem ficado mais em Brasília devido ao trabalho de seu esposo, Jeferson Figueiredo, que é militar do Exército. Com filhos e netos morando em Florianópolis, Ideli se divide entre idas e vindas, o que faz com que os familiares torçam o nariz todas as vezes que é mencionada a possibilidade de seu retorno ao cenário eleitoral. Porém, os argumentos do PT é que a campanha mais curta, com muita rede social envolvida, não tiraria Ideli por muito tempo de perto do convívio familiar. A possível união de boa parte da esquerda em torno de seu nome, além de ser a única mulher, por hora, a ser pré-candidata ao Senado, também animam a petista. Portanto, acho que o meu sentimento não foi errado: Ideli Salvatti, é sim pré-candidata. Falta apenas o anúncio oficial.

Recado

A secretária de Estado da Educação, Simone Schramm, começa a desagradar alguns setores do governo e, já incomoda até mesmo o governador Eduardo Pinho Moreira (MDB). Indicada pelo deputado Mauro Mariani (MDB), Simone gerou algumas insatisfações quando mandou de volta para a sala de aula, mais de 100 professores que estavam na secretaria por indicação política. Nesta semana, foi chamada pelo governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) para uma conversa. Ele queria saber o motivo das mudanças no período de matrícula nos 18 Centros de Educação Profissional (Cedups), que será aberto apenas em fevereiro. A explicação seria normatizar as inscrições devido a grande procura, situação que não convenceu a Pinho Moreira. Ontem na Assembleia Legislativa, vários deputados criticaram a medida, entre os quais, Luiz Fernando Cardoso, o Vampiro (MDB), parlamentar ligado ao governador. Portanto, ou Simone entende o recado, ou poderá não ter vida longa não atual governo.

Instituto

Simone Schramm já foi chamada a atenção anteriormente, quando divulguei neste espaço que a Secretaria de Estado da Educação teria firmado uma parceria com o Instituto Ulisses Guimarães, ligado ao MDB, para a realização de cursos de oratória para alunos da rede estadual. Em uma rápida conversa, Simone negou que tenha firmado qualquer parceria, ao contrário do que fora divulgado pelo próprio instituto. Durante as explicações internas, ela jogou a responsabilidade para a entidade, que teria publicado uma informação de forma equivocada. Segundo uma fonte, Simone assim como qualquer secretário, tem a autonomia para trabalhar e realizar as ações necessárias, porém, tem situações mais estratégicas que necessitam uma conversa junto ao andar superior, coisa que ela não tem feito.

Inelegível?

Gabrielzinho deu parecer pela desaprovação.

O ex-prefeito de Florianópolis, Cesar Souza Júnior (PSD), poderá ficar inelegível, o que comprometerá a sua pré-candidatura a deputado federal. Parecer do vereador Gabriel Meurer (PSB), o Gabrielzinho, que é o relator das contas do mandato de Souza Júnior de 2016, foi contrário à aprovação das contas, seguindo o parecer do conselheiro Luiz Roberto Herbst, do Tribunal de Contas do Estado. Na comissão a derrota já é certa, pois, dos cinco votos, três já foram pela reprovação, enquanto que Renato Geske (PR) pediu vista, mas votará a favor do pessedista. Seguindo o mesmo voto, o vereador Erádio Gonçalves (PR), também ex-PSD, seguirá com Júnior. Se for aprovada em plenário a desaprovação, Souza Júnior estará fora da eleição deste ano, pela Lei da Responsabilidade Fiscal.

Leia o parecer: a295524673a35b011b04962857f7b529

Conversas

Entendendo que a derrota na Comissão já é certa, o ex-prefeito de Florianópolis Cesar Souza Júnior (PSD), partiu para as conversas com alguns vereadores da capital. Com os republicanos Renato Geske e Erádio Gonçalves a conversa é mais tranquila e, até mesmo Tiago Silva (MDB), segundo uma fonte já foi procurado. Mas como a orientação da bancada emedebista deve ser pela reprovação, a situação de Silva poderá ficar complicada, caso não siga com o partido no plenário.

LDO na Alesc

O relatório conclusivo da proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias, foi apresentado na Comissão de Finanças da Assembleia Legislativa pelo relator deputado Marcos Vieira (PSDB), na sessão de ontem. A LDO fixa o planejamento do orçamento do governo catarinense para o próximo ano, com a previsão de metas e prioridades em áreas como infraestrutura e educação.

LDO no Congresso

Beber explicou a proposta

Ontem na Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional, o relator do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), senador Dalirio Beber (PSDB), leu o texto no colegiado, o que permitiu a abertura do prazo para apresentação de destaques, que encerra hoje, ao meio-dia. O projeto da LDO será votado na próxima quarta-feira (11). No mesmo dia, o texto poderá ser deliberado no Plenário do Congresso Nacional, última etapa de tramitação da proposta antes do envio para sanção presidencial.

Entenda a proposta : 681d6b144a15fd98bdab6970e3cbb6e1

Bancada feminina

A deputada estadual Dirce Heiderscheidt (MDB), tomou posse da coordenadoria da Bancada Feminina da Assembleia Legislativa na tarde de ontem. Durante a cerimônia foi apresentado o balanço das atividades da bancada nos últimos 16 meses. Coordenadora desde março de 2017 até o presente momento, a deputada Luciane Carminatti (PT) destacou o trabalho realizado nas diversas regiões de Santa Catarina por meio do seminário “Pelo fim da violência contra a mulher”. Dirce em sua fala, disse que resta a responsabilidade de dar continuidade ao trabalho, fazendo junto ao Governo do Estado, o trabalho para que seja assinado o Pacto Estadual da Lei Maria da Penha. “Então precisamos da ajuda do Executivo, através da Secretaria de Assistência Social, da coordenadoria da mulher, do próprio governo, para nos receber e fazer uma pauta positiva para fortalecermos esse projeto de enfrentamento da violência contra a mulher”, afirmou Dirce.

Direitos dos Animais 

Saretta é o autor da proposta.

A Assembleia Legislativa está de parabéns, pela aprovação do Projeto de Lei que institui a Semana Catarinense de Conscientização sobre os Direitos dos Animais. Segundo o deputado Neodi Saretta (PT), a Semana Catarinense de Conscientização sobre os Direitos dos Animais, depois de sancionada pelo governador, será realizada todos os anos na primeira semana de outubro, data em que se comemora o Dia Mundial dos Animais. “Esse projeto tem como objetivo a conscientização da população acerca da guarda responsável, educando crianças, jovens e adultos em relação aos direitos dos animais, visando a diminuição do abandono e bem estar dos animais”, disse. Ontem, a Alesc mostrou que vivemos em uma sociedade que começa a se conscientizar a respeito dos direitos de quem não sabe se defender. Mas há muito por fazer, sobretudo em relação ao abandono e aos maus-tratos cruéis.

“Me ouça de segunda a sexta as 13h15 na Super Condá AM 610”

Deixe seu comentário:

Pin It on Pinterest