Amin será pré-candidato, Cobalchini é o líder do governo na Alesc, a volta de Ideli, a disputa entre Pinho Moreira e Merisio e outros destaques

Os progressistas se reúnem nesta próxima segunda-feira (26) as 11h, na sede da executiva estadual em Florianópolis. Uma coisa já é possível dizer: O deputado federal Esperidião Amin sairá do encontro como pré-candidato ao Governo do Estado, após provocar as demais lideranças questionando se o partido merece ou não ter uma candidatura à majoritária.

Além disso, lembrará que os progressistas não tem candidato há duas eleições, o que pode soar ao eleitorado que desistiram de governar. Por isso, Amin já começa a falar como pré-candidato, porém, não esquece da parceria com o PSD, sobretudo com o também pré-candidato ao governo Gelson Merisio, que é considerado por lideranças progressistas como o único nome pessedista capaz de afastar definitivamente, o governador licenciado Raimundo Colombo (PSD) do MDB.

Como se preparasse para o que acontecerá na segunda-feira, Amin esteve ontem na Assembleia Legislativa onde conversou longamente com Merisio e com o deputado estadual Silvio Dreveck (Progressistas). Um dos teores foi a primeira ação de Eduardo Pinho Moreira (MDB) a frente do governo, sobretudo a questão das regionais, o que foi entendido como uma primeira ação contra Gelson Merisio e demais vozes da oposição.

Amin visitou Valduga. Em busca de apoio?

Depois, Amin acompanhado de seu filho, o deputado estadual João Amin, se dirigiu ao gabinete de Cesar Valduga (PCdoB). Vale lembrar que os comunistas tem uma forte aproximação com algumas lideranças do PSD. Falaram das origens italianas e a respeito da eleição. Amin relatou a Valduga que está animado com processo eleitoral, e entende que até abril o cenário irá se clarear, principalmente com a renúncia ou não dos prefeitos Udo Dohler (MDB) de Joinville, e Napoleão Bernardes (PSDB) de Blumenau.

O fato é que Amin e Merisio vão intensificar os seus roteiros pelo estado, levantando a seguinte bandeira: Evitar mais um mandato do MDB. “Se tivermos mais um mandato do MDB, o nosso estado não resistirá, viraremos um Rio de Janeiro”, me disse Amin.

Confronto?

Hoje o Oeste será o palco do primeiro grande confronto entre o pré-candidato ao Governo do Estado Gelson Merisio (PSD), e o governador em exercício Eduardo Pinho Moreira (MDB), e o palco será Xanxerê. Acontece que por volta das 13h após autorizar o lançamento da licitação para a modernização do aeroporto de Chapecó, Pinho Moreira estará na terra do milho para oficializar o convite ao advogado Adenilso Biasus, que será o novo secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Sustentável. Moreira me falou da estima que tem pelo xanxerense, o qual considerou o seu protegido. Ele também se reunirá com empresários e lideranças. Por volta das 17h, será a vez do pré-candidato a governador Gelson Merisio (PSD), conceder uma coletiva no salão azul do City Hotel. O pessedista falará sobre projetos de lei na Assembleia Legislativa, defenderá o gasto mínimo de 15% na saúde, que é o que estabelece uma lei de sua autoria que está sendo contestada pelo governo, além de criticar o motivo de apenas 15 das 35 regionais terem sido desativadas.

Ideli no páreo

A ex-ministra e senadora Ideli Salvatti (PT), está se animando para ser pré-candidata a deputada federal. As movimentações de Ideli já não escondem a intenção, pois, reuniões tem sido realizadas periodicamente. Ela já realizou encontros no Sul do estado, na Grande Florianópolis e até em Joinville, já que o ex-deputado Carlito Merss deverá declinar do projeto na proporcional. Em falar no PT, na segunda-feira (26) em sua sede a executiva estadual do partido se reunirá para formular o seu calendário.

Ideli já se movimenta pensando na eleição.

Cobalchini líder

Sempre de olho no lance, o colega Roberto Azevedo anunciou ontem em primeira mão, que o deputado estadual Valdir Cobalchini (MDB) aceitou o convite do governador em exercício Eduardo Pinho Moreira (MDB), para ser o líder do governo na Assembleia Legislativa. Durante a semana divulguei que a escolha estaria entre Cobalchini e Mauro De Nadal, situação que foi definida ontem. Também de acordo com Azevedo, Pinho Moreira chegou a pensar num convite para algum pessedista, mas desistiu.

Cobalchini aceitou o convite de Pinho Moreira.
Foto: Marcelo Lula

Defesa

Ontem a noite em um encontro com empresários e lideranças, o vereador de Chapecó João Marques Rosa (PSB), voltou a defender o deputado federal João Rodrigues (PSD), que está preso em Porto Alegre. Ele se disse admirado que lideranças que ganharam voz, através da voz de Rodrigues, hoje se calam e, citando Confúcio disse Marques: “Para conhecer os amigos, é preciso passarmos pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso conhecemos a quantidade, e na desgraça a qualidade”, afirmou.

Marques Rosa voltou a defender Rodrigues.

Bauer com Moreira

Ontem o senador Paulo Bauer (PSDB) convidou o presidente estadual de seu partido, o deputado Marcos Vieira, e fez uma visita institucional ao governador em exercício Eduardo Pinho Moreira (MDB). Acontece que o emedebista ligou para convidar Bauer para a sua posse, mas ouviu do tucano que não iria, pois, achava inoportuno por ter disputado a eleição estadual contra o atual governo, por isso deveria se manter ausente. Bauer nega que foi um ato hostil e, prefere dizer que foi melhor a distância naquele momento. Dias após, solicitou uma agenda com Pinho Moreira para um café, para falarem sobre os pleitos do Estado em Brasília, e pautas que o emedebista irá defender.

Bauer e Vieira visitaram Pinho Moreira.
Foto: Jeferson Baldo

Nova secretária

Romanna Remor é a nova secretária de Estado do Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação. Ela assume no lugar de Valmir Comin (Progressistas) que retornou à Assembleia Legislativa. Romana disputou a Prefeitura de Criciúma em 2012, foi vereadora e atualmente é empresária atuando com exportação. A colega Karina Manarin de Criciúma, escreve hoje que além do secretário de Estado da Infraestrutura Luiz Fernando Cardozo, o Vampiro, que é o possível nome emedebista para a disputa municipal, que Romana também poderá entrar no páreo da disputa à prefeitura. Pelo visto, o partido fica como uma carta na manga.

Romanna disse o sim ontem a tarde para o governador.
Foto: Jeferson Baldo

Troca na PM

Ontem o coronel Araújo Gomes assumiu o comando geral da Polícia Militar do estado, no lugar do coronel Paulo Henrique Hemm, que deixa a PM após 38 anos de serviços reconhecidos. Em emocionado discurso, o agora pré-candidato a deputado estadual pelo PSB, disse esperar que a segurança pública seja tratada como merece, pois, tem pressa por ações efetivas e não apenas de meros discursos. Hemm também atuou no Oeste, e é um dos comandantes, agora na reserva, dos mais destacados da polícia catarinense.

Coronel Araújo recebe o cargo do coronel Paulo Hemm
Foto: Jeferson Baldo

Napoleão

O prefeito de Blumenau e pré-candidato ao governo ou ao Senado, Napoleão Bernardes (PSDB), tem uma corrida agenda hoje em Chapecó. As 08h45 ele concede na Super Condá AM 610, uma entrevista para a Raquel Lang. Na sequência passará na Boca Maldita na Getúlio Vargas, e após almoçará em uma churrascaria com lideranças tucanas.

Destaque

“Hoje as 11h30 o governador em exercício Eduardo Pinho Moreira (MDB) já estará no aeroporto Serafin Enoss Bertaso em Chapecó para atender a imprensa. Após, ele autorizará o lançamento da licitação para a modernização do aeroporto ao lado do prefeito Luciano Buligon (PSB). Já que o Fundam atenderá a projetos regionais, quem sabe Pinho Moreira possa destinar recursos do financiamento para o nosso Contorno Viário que beneficiará toda uma região”.

“Me ouça de segunda a sexta as 13h15 na Super Condá AM 610”

Deixe seu comentário:

Pin It on Pinterest