Alckmin em SC, emedebistas temem o isolamento, Florianópolis sediará o encontro do Bripaem entre outros destaques

Os emedebistas não temem o debate e a disputa interna. Eles já estão acostumados, é basicamente como uma família italiana que discute de forma acalorada, mas que ao final se une. O grande temor no MDB é o isolamento em uma eleição curta onde partidos que sempre estiveram juntos em uma grande aliança, buscam viabilizar os seus projetos tornando o cenário fragmentado, ao ponto de colocar várias possíveis candidaturas no jogo.

Não é de hoje que lideranças a exemplo dos deputados estaduais Valdir Cobalchini e Carlos Chiodini, alertam para a necessidade de celeridade na definição da candidatura ao Governo do Estado. No encontro de ontem, sob os olhares de uma executiva ávida por uma decisão, tanto Eduardo Pinho Moreira como Mauro Mariani, se mostraram irredutíveis. Porém, a maturidade política que seus históricos exigem falou mais alto e, por sugestão do governador, conversas serão realizadas durante esta semana e, na próxima segunda-feira terá que ser apresentada uma definição.

Durante a reunião enquanto combinavam de conversar, Pinho Moreira chegou a dizer que pode ir a Brasília ao encontro de Mariani, como um gesto de que está aberto para uma conversa a qualquer momento e lugar. O governador quer convencer o deputado com o argumento de que a sua única opção, é a disputa ao Governo do Estado e, oferecerá a Mariani um acordo para que aceite ir ao Senado, com a condição de ter o seu apoio na próxima eleição estadual.

Se por um lado a oferta não é a garantia de nada, pois, outros nomes poderão surgir nos próximos quatro anos, por outro, é vista pelos mais próximos a Pinho Moreira como a única via para um acordo, fora isso, possivelmente na próxima semana o partido estará estabelecendo os critérios de uma prévia para a escolha do nome.

Agora o que também me chamou a atenção, é que uma fonte relatou que alguns setores do MDB tem expressado o reconhecimento de que foi um erro rifar o prefeito de Joinville Udo Döhler, do projeto eleitoral. O entendimento é de que o perfil empresarial de Döhler, o colocaria numa melhor posição nas pesquisas, ou nas palavres da fonte, seria o nome do MDB que mais teria condição de encostar hoje em Esperidião Amin (Progressistas), que lidera todos os levantamentos.

Por fim, uma outra disputa também começa a se desenhar no clã emedebista, entre o deputado federal Valdir Colatto e o ex-governador Paulo Afonso Vieira. Ambos reafirmaram ontem que são pré-candidatos ao Senado. Como tem sido dito que a chapa emedebista carece de um nome do Oeste, pode ser que Colatto leve uma certa vantagem, muito embora, apoiadores de seu mandato acham que é cedo para um salto maior e mais arriscado, que poderia ser dado com uma maior segurança na eleição seguinte.

No encerramento da reunião, todos foram convidados para o almoço da bancada do MDB na Assembleia Legislativa, que foi transferido para amanhã, já que contará com a presença do presidenciável do partido, o ex-ministro Henrique Meirelles.

João Rodrigues

A entrevista que o deputado federal João Rodrigues (PSD), me concedeu logo cedo na manhã de ontem, gerou uma grande repercussão. Foram vistos inúmeros apoios ao parlamentar que foi autorizado pelo Supremo Tribunal Federal a retomar o seu mandato. A juíza Leila Cury está contestando a decisão. Tanto lideranças quanto eleitores, se manifestaram em apoio a Rodrigues que se emocionou durante a entrevista. Ele falou dos momentos que passou na prisão em regime fechado durante esses 120 dias, a falta da família e voltou a se defender dizendo acreditar no reconhecimento da prescrição, e de que ele não cometeu nenhum crime. “Eu não desejo para ninguém o que passei”, afirmou em um trecho.

Clique no link e ouça a entrevista :  http://scempauta.com.br/exclusivo-primeira-entrevista-de-joao-rodrigues/

Política

A prioridade de João Rodrigues (PSD) é de resolver a sua questão na justiça e, segundo ele, acima de tudo tentar a absolvição. Porém, conseguindo reverter a sua situação, Rodrigues não admite, mas vai tentar a reeleição a deputado federal. Em último caso, Fabiana Rodrigues (DEM) é quem será lançada para tentar uma vaga na Câmara. Mas antes, ele afirmou que vai avaliar junto com a sua família, depois com os prefeitos, vereadores e demais lideranças, incluindo o presidente estadual do PSD, Gelson Merisio, antes de tomar uma decisão.

Evento de sábado

João Rodrigues (PSD) leu nesta coluna, ontem quando chegou ao seu gabinete, sobre o evento de lançamento da pré-candidatura ao Governo do Estado de Gelson Merisio (PSD). Lamentou o fato de não ter participado, mas parabenizou a realização do ato.

Sem comentários

O deputado federal Esperidião Amin, pré-candidato ao Governo do Estado pelo Progressistas, não quis fazer qualquer comentário a respeito do lançamento da pré-candidatura de Gelson Merisio (PSD) a governador. Ao questioná-lo a respeito do evento, Amin desviou o assunto respondendo que no final de semana aprendeu que há três Santa Catarinas. “Há a nossa, a de Siena e de Bologna”, respondeu, falando do sermão do padre no batizado de sua primeira neta que se chama Catarina. Quanto insisti sobre o evento do PSD questionando o motivo do assunto estar sendo desviado, Amin respondeu: “Cada um quer saber daquilo que lhe convém”. Na foto, o casal Ângela e Esperidião Amin, com a neta Catarina antes do batizado.

Alckmin em SC

Hoje o presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) deve desembarcar por volta das 09h15 no aeroporto de Joinville. A primeira agenda será nos Bombeiros Voluntários, seguido de uma reunião as 10h com empresários da ACIJ, e almoço no Restaurante Rudnick, as 12h com lideranças seguida de uma coletiva de imprensa. As 14h30 Alckmin embarca para Chapecó onde terá uma agenda as 15h30 na Coopercentral Aurora, seguido de uma coletiva à imprensa as 17h, e reunião com empresários de Chapecó e região no Centro Empresarial. Alckmin também deve participar do evento da ADVB no início da noite, e depois embarca para Florianópolis.

Na capital

Amanhã as 08h30 em Florianópolis, o presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) palestrará no Congresso da Fecam no Centrosul. As 11h está marcada uma reunião com empresários na ACATE, seguido de um almoço no LIDE na Fiesc. As 14h30 Alckmin embarca para São Paulo.

Lanznaster homenageado

A Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing de Santa Catarina (ADVB/SC), entrega hoje a noite o Prêmio Personalidade de Vendas para Mário Lanznaster, presidente da Coopercentral Aurora. O evento é somente para convidados e será realizado no Hotel Lang Palace, a partir das 19h, em Chapecó. Antes da cerimônia, tradicionalmente, como ocorre em todos os anos, acontece um fórum com Personalidades de Vendas eleitos nos anos anteriores. O tema desse ano é “Perspectivas e tendências do cenário econômico de Santa Catarina”. Lanznaster que é considerado uma das maiores lideranças cooperativistas do país, concorreu ao prêmio com mais quatro finalistas: Daniel Dimas, presidente do Grupo Dimas; Marcelo Vieira, presidente da holding Unike Group; Pedro Assis, presidente da Agemed e Zefiro Giassi, diretor presidente da rede de supermercados Giassi. Os empresários foram os cinco nomes mais indicados pelo público na primeira etapa.

Prestigiado

 A homenagem ao presidente da Coopercentral Aurora, Mário Lanznaster, terá um público seleto. Empresários e lideranças de Chapecó e região estarão presentes no Lang Palace Hotel. O governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) confirmou que vem ao Oeste acompanhado do secretário de Estado da Comunicação, Gonzalo Pereira, que inclusive, já ocupou o cargo de diretor da ADVB, realizadora do evento de hoje. Outra presença aguardada é a do pré-candidato a presidente da República, Geraldo Alckmin (PSDB), que estará acompanhado do presidente estadual dos tucanos, deputado Marcos Vieira.

Namoro

O governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) também vem a Chapecó com outra intenção, além de participar da homenagem a Mário Lanznaster. Ele deverá sentar a mesma mesa do presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) e do deputado Marcos Vieira (PSDB). A conversa em tom de namoro pensando numa aliança para a eleição estadual, não poderia acontecer em um dia mais propicio, que o Dia dos Namorados. Se a cantada vai ser bem recebida, aí já é outro papo.

Compre de SC

O movimento Compre de Santa Catarina cresce diariamente por todo o Estado. Ontem o próprio governador Eduardo Pinho Moreira (MDB), apresentou a campanha em seu gabinete durante as audiências. Entre as reuniões, Moreira colou o bóton em todos os participantes que aderiram ao movimento. Dentre eles, o deputado federal Valdir Colatto (MDB). “O Oeste é o celeiro catarinense, e um dos mais afetados com a crise que vivemos nos últimos dias. Agora é o momento de nos unirmos e juntos, como sempre o povo catarinense fez, nos reerguermos e reaquecermos nossa economia”, comentou Pinho Moreira.

Apoio empresarial

Mascarello ao lado de um filiado do PSD, seguido de Merisio e Ninfo.

Setores da classe empresarial de Chapecó e região, afirmaram apoio ao pré-candidato ao Governo do Estado, Gelson Merisio (PSD). Lideranças expressivas estiveram no evento de sábado, a exemplo de Josias Mascarello, Gilberto Badalotti, Gelson Dalla Costa, entre outros nomes de peso do setor empresarial.

Integração

O Prefeito de Chapecó Luciano Buligon (PSB), participou ontem de audiências em Buenos Aires, na condição de presidente do Bloco Regional de Intendentes, Prefeitos, Alcaldes e Empresários do Mercosul (BRIPAEM). Os encontros trataram sobre políticas públicas entre os sete países que compõe o bloco, a Assembleia do BRIPAEM em Florianópolis e também as tratativas para implantação da Rota Milho no Oeste Catarinense. De acordo com Buligon, os encontros são importantes para somar forças na concretização e definição de políticas, para assim alcançar a integração entre os países. “Estamos aqui para cumprir com uma agenda de fortalecimento e que também é importante para definir os próximos passos, principalmente no que se refere à Rota do Milho.

Rota do milho

O prefeito de Chapecó Luciano Buligon (PSB), reforçou que a implantação da Rota do Milho será um dos temas a serem tratados no mês de julho em Santa Catarina, durante a Assembleia do BRIPAEM. “No encontro de hoje definimos que Florianópolis será a sede da Assembleia Geral no mês de julho, onde serão discutidas políticas públicas para a implantação da Rota do Milho na Região Oeste e assim fortalecer o nosso desenvolvimento econômico”, informou. Antes da reunião, Buligon que tem atuado como um embaixador informal da Chapecoense entregou algumas camisas do clube às demais autoridades do bloco.

Congresso

O primeiro dia do Congresso de Prefeitos organizado pela Federação Catarinense de Municípios (Fecam), conduziu os gestores municipais a troca de experiências e o compartilhamento de desafios na rotina das prefeituras. Os prefeitos e suas equipes de gestão iniciaram as atividades com temas voltados à planejamento, tecnologia e inovação. Experiências do Banco de Boas Práticas da Fecam, que pretendem levar de uma prefeitura para a outra cases de sucesso, foram apresentadas.

No painel “Conversa com Parlamentares”, avalizado pelos mais de 200 prefeitos presentes, o presidente da FECAM, Volnei Morastoni (MDB) acompanhado do presidente da Amosc, Rudi Sander (Progressistas), entregou um documento ao presidente do Fórum Parlamentar Catarinense, deputado Jorginho Melo (PR), solicitando aos parlamentares ações efetivas em relação ao auxílio financeiro dos municípios. Participaram deputados federais e estaduais de Santa Catarina. Para Morastoni, o desequilíbrio nas receitas em função da recente greve vai dificultar ainda mais o fechamento das contas municipais. A FECAM, no auge da paralisação há duas semanas, contabilizou queda de 33% na arrecadação do ICMS dos municípios.

Além da preocupação com o impacto financeiro, os prefeitos solicitaram apoio dos representantes estaduais e federais em questões como: o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb); gestão básica da saúde municipal; os desafios do licenciamento ambiental e desenvolvimento econômico; dívidas dos municípios (ICMS e Saúde); além de crise e gestão dos hospitais. Por fim, o ex-jogador de futebol, Zico, palestrou sobre liderança e profissionalismo.

Assinatura

Serão assinados hoje, durante a abertura oficial do Congresso de Prefeitos da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), dois protocolos de intenções e um acordo de cooperação, entre a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS) e Fecam. As assinaturas vão ocorrer durante a solenidade de abertura oficial do evento, às 9h, com a presença do governador, Eduardo Pinho Moreira (MDB), do secretário da SDS, Adenilso Biasus, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), Glauco José Corte, e presidentes das principais entidades do Estado, prefeitos e autoridades. O programa lançado, o Compra Legal, que terá um protocolo de intenções com a Fecam, tem o objetivo de incentivar que municípios adquiram produtos e serviços locais favorecendo a produção regional e consequentemente, fortalecendo a economia das cidades catarinenses.

Oeste

Reunião de Trabalho

Acontece hoje o debate da proposta de implantação de projeto de lei, para convênios entre entidades que trabalham a elaboração/regularização de imóveis residenciais em Chapecó, atendendo ao requerimento de autoria do vereador Cleiton Fossá (MDB). A Lei de origem do Executivo, assegura às famílias de baixa renda assistência técnica pública e gratuita para o projeto e a construção de habitação de interesse social. O objetivo da reunião é discutir a possibilidade de Chapecó acessar o projeto em seu plano municipal e, sendo assim, promover o cadastramento de profissionais e estudantes habilitados para que desenvolvam a ação. O encontro iniciará as 09h.

“Me ouça de segunda a sexta as 13h15 na Super Condá AM 610”

“Também me leia no jornal Sul Brasil”

 

Deixe seu comentário:

Pin It on Pinterest